A Esquerda e os ateus estão vigiando…

Julio Severo

O Observatório da Direita (em inglês, Right Wing Watch), uma grande organização socialista dos EUA, me “expôs” ontem, mais uma vez, para sua audiência esquerdista nos EUA por opiniões politicamente incorretas.

O Observatório da Direita disse:

O site BarbWire de Matt Barber publicou um artigo na segunda-feira escrito pelo colaborador frequente Julio Severo, que ficou alarmado com uma “reunião da comunidade bissexual” na Casa Branca no mês passado e, de forma principal, com o discurso de um índio sioux que se descreve como bissexual que começou sua apresentação invocando “o Grande Espírito, Wakan Tanka, para guiar nossas palavras e pensamentos de modo que falemos com verdade e força.”

Numa coluna intitulada “Bisexual Indian Invokes Demons At White House” (Índio bissexual invoca demônios na Casa Branca), Severo escreveu que o homem havia invocado “espíritos homossexuais,” assim infestando a Casa Branca de demônios que só podem ser expulsos por “pessoas que conhecem e usam a autoridade do nome de Jesus.”

“Uma cultura homossexual é uma cultura de possessão demoníaca,” escreveu ele. “A Casa Branca virou morada de demônios?”

O proeminente site ateu americano Patheos também criticou minha perspectiva sobre demônios. Eles não acreditam em nenhuma atividade de Deus e demônios neste mundo. Num artigo intitulado “The White House Must Be Exorcised Of Bisexual Native American Demons, Says Christian Writer” (A Casa Branca Precisa de Exorcismo de Demônios Indígenas Bissexuais, Diz Escritor Cristão), Patheos disse, “Severo descreveu os espíritos/demônios gays como sendo ‘invisíveis, letais e destrutivos’ — o que é fascinante considerando que, até onde sabemos, ninguém nunca foi de fato assassinado por um…”

O artigo do Patheos gerou 110 comentários de ateus furiosos contra Severo.

Em outro artigo ontem, o Observatório da Direita disse: “Julio Severo avisa que se ‘Hillary for eleita, todos nos Estados Unidos e no mundo pagarão caro pelo agressivo ativismo abortista e homossexualista dela.’” (O artigo em português é este: “Por que os evangélicos preferem Donald Trump a Hillary Clinton?”)

O Observatório da Direita expôs, ao mesmo tempo, a Universidade Liberdade, Jerry Falwell Jr., Jane Chastain, Erik Rush, Bryan Fischer, Paula White, Michele Bachmann, Samuel Rodriguez, James Dobson e Mat Staver apenas por expressarem opiniões conservadoras odiadas pela esquerda dos EUA.

Esta não é a primeira vez que o Observatório da Direita me expôs. Eles também me “expuseram” em 28 de setembro de 2015:

Finalmente, Julio Severo não está contente com a nomeação de Eric Fanning como ministro do Exército dos EUA: “Tenho certeza de que no caso de Obama e de Fanning, o Pai dos Estados Unidos aprovaria sentença neles e trataria, com nojo e ódio, a sodomia e defesa da sodomia deles como um crime infame. No mínimo, Obama seria expulso da presidência dos EUA e Fanning seria expulso do Exército, ambos com desonra, para nunca mais voltarem. Ambos cometeram traição contra o Pai dos Estados Unidos.”

O texto completo em português está aqui: Obama nomeia homossexual assumido para liderar Exército dos EUA

Eles também me “expuseram” em 30 de junho de 2015:

Julio Severo avisa que “A homossexualidade trouxe destruição para Sodoma, e trará destruição para qualquer cidade ou superpotência que a adote. Um remanescente de cristãos fiéis a Deus precisa alertar acerca do perigo da sodomia e apoiar esforços para proteger crianças e suas famílias contra isso.”

Meu texto completo em português está aqui: “Casamento” homossexual dos EUA afetará outros países

Em 18 de junho, o Observatório da Direita de novo me “expôs” dizendo:

Finalmente, Julio Severo quer ver Scott Lively nomeado “como embaixador especial dos Estados Unidos para os Direitos Humanos das Crianças e Sua Proteção contra a Agenda LGBT.”

O texto completo em português está aqui: Embaixador homossexual mundial fala sobre republicanos, Rússia e Arábia Saudita

De novo, o Observatório da Direita leu minha opinião politicamente incorreta no Barbwire.

O que o Observatório da Direita, cujo dono é a entidade People for the American Way, quer?

De acordo com o WND, um dos maiores sites conservadores do mundo, People for the American (PFAW) é “uma organização socialista ateísta que, por meio de publicações como seu ‘Right Wing Watch’ [Observatório da Direita] se dedica à destruição dos conservadores em geral.”

De acordo com seu site, o Observatório da Direita tem uma missão especial de atacar conservadores que se opõem à agenda gay, ao aborto e à ideologia muçulmana.

O Observatório da Direita “expôs” minha opinião em outras vezes também, e eu respondi aqui: Crítica esquerdista perturbada de People for the American Way contra um conservador brasileiro

E aqui: Esquerda Americana Odeia Julio Severo!

Qual é a intenção deles?

Em 2011, o WND havia feito uma reportagem (a versão em português está neste link) sobre a monitoração do Ministério de Segurança Nacional dos EUA contra meu blog. Qual era a intenção deles?

No mesmo ano, o WND fez uma reportagem, que se tornou manchete (a versão em português está neste link), sobre o PayPal cortando minha conta depois da campanha de uma organização homossexual nos EUA.

Por que o Golias (Observatório da Direita, Ministério de Segurança Nacional dos EUA, etc.) monitora e se preocupa com um pequeno Davi?

Versão em inglês deste artigo: The Left Is Watching…

Fonte: www.juliosevero.com

Leitura recomendada:

Organização ateísta socialista Observatório da Direita “expõe” Julio Severo, de novo…

Na lista negra da esquerda, de novo

Ateísta Ed Brayton: Julio Severo é um ‘doido’ brasileiro

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s