Se os imigrantes brasileiros nos EUA são acusados de “porcos,” por que culpar Trump?

Julio Severo

Os brasileiros, principalmente seus imigrantes nos Estados Unidos, estão recebendo (e furiosamente espalhando) um artigo intitulado “Trump diz que imigrantes brasileiros são porcos latinos.”

Estádio Memorial Veteranos depois de usado por imigrantes brasileiros

No artigo, produzido em 6 de outubro pelo site brasileiro “Brasil Verde Amarelo,” o candidato presidencial republicano americano Donald Trump é citado como dizendo que os brasileiros parecem porcos latinos, “chafurdando tudo pela frente, tão desorganizados quanto a economia brasileira.”

Muitos imigrantes evangélicos brasileiros, inclusive pastores, ficaram ofendidos e transtornados com as alegadas palavras de Trump e prometeram não votar nele.

Mas as alegadas palavras ofensivas de Trump contra os brasileiros não são, de acordo com minha pesquisa no Google, as palavras dele, e provavelmente foram inventadas com a intenção maliciosa de indispor os imigrantes brasileiros de votar em Trump.

Então Trump não tem nenhuma palavra ofensiva contra os imigrantes brasileiros, que estão realmente preocupados e “ofendidos” por outro motivo: porque Trump tem a intenção de restringir a imigração.

Os imigrantes brasileiros, e também muitos outros imigrantes, parecem se ver como tendo o direito de viver nos Estados Unidos e gozar sua afluência como se os EUA fossem a casa deles. Por isso, eles querem fronteiras abertas para eles, seus parentes e amigos.

Mas, o que eles achariam de suas próprias casas abertas? Não há nada de errado nisso, se isso é escolha deles. Mas e se seus amigos ou meros visitantes dissessem: “Gosto de sua casa. Quero viver aqui”? Ainda que eles tenham um grande desejo de viver em sua casa, não cabe a eles decidir isso. Só você pode decidir isso.

Uma casa aberta é uma casa insegura.

Uma nação aberta é uma nação insegura.

Lamentavelmente, tanto imigrantes brasileiros esquerdistas quanto conservadores apreciam muito fronteiras abertas para os EUA. Compreendo brasileiros esquerdistas com tal atitude. Mas por que até mesmo imigrantes conservadores brasileiros, que se opõem ao socialismo, apreciam uma política socialista de imigração facilitada para os EUA?

Geralmente quando os EUA facilitam a imigração, os imigrantes em grande parte votam em socialistas americanos. Esse é o motivo por que os socialistas americanos são campeões em facilitar a imigração para brasileiros e outros.

Além disso, há casos de imigrantes brasileiros que desprezam os EUA e sua cultura protestante. Eles desprezam a cultura cristã dos EUA, mas adoram a afluência dos EUA.

Então provavelmente as acusações falsas contra Trump dizendo que os imigrantes brasileiros são porcos foram produzidas por brasileiros descontentes com as ideias de imigração dele.

Entretanto, e se Trump tivesse realmente dito que os imigrantes brasileiros são porcos? Ele estaria errado?

Na semana passada, imigrantes brasileiros foram manchetes nos EUA, inclusive nas grandes redes CBS e Fox. Foram manchetes ruins. Esses imigrantes tiveram um festival brasileiro no Estádio Memorial Veteranos na cidade de Lawrence, Massachusetts, e deixaram o campo de futebol repleto de lixo.

De acordo com a CBS: “Montanhas de latas vazias de cerveja, garrafas e comida foram deixadas no campo de futebol depois do festival que durou um dia.”

O profeito de Lawrence disse: “Estamos enojados, e totalmente chocados que o estádio fosse deixado nesse estado. Estamos chocados e desanimados com o nível de sujeira que eles deixaram… a quantidade de prejuízos…”

Sou brasileiro e posso dizer que até brasileiros decentes teriam muita dificuldade de não chamar esses imigrantes de “porcos,” porque a conduta deles foi porca.

Então Trump não estaria errado se ele os tivesse chamado de “porcos.”

O adjetivo “porco” não está limitado à conduta deles. Muitos brasileiros são criaturas de boca suja. Os americanos ficaram alarmados e horrorizados com algumas palavras vulgares privadas passadas de Trump expostas recentemente. Os americanos são muito, muito sortudos! Nos EUA eles têm um republicano que usou privativamente linguagem vulgar infrequentemente no passado, e ele está sendo repreendido e criticado sem dó nem piedade por causa disso. No Brasil, há líderes que se proclamam conservadores que usam linguagem vulgar e tosca todos os dias e de forma abundante no Facebook, e eles são louvados por sua linguagem porca.

No Brasil, os “porcos” não estão confinados à Esquerda. Eles são abundantes na Direita. E enquanto Trump está pedindo desculpas por suas palavras vulgares passadas, os líderes que se proclamam conservadores no Brasil, inclusive imigrantes brasileiros nos EUA, se gabam de suas abundantes palavras vulgares e toscas diárias. Ainda que os imigrantes brasileiros não tenham nenhuma coragem de usar sua linguagem suja entre conservadores americanos, eles a despejam entre conservadores brasileiros por meio do Facebook.

Um desses imigrantes, Olavo de Carvalho, diz para seu público brasileiro de Facebook que a grande desvantagem dos conservadores americanos é que eles não falam palavrões. Ele disse: “Nos EUA só quem diz palavrões é a esquerda. Basta isso para explicar por que os conservadores, mesmo quando têm maioria, estão sempre em desvantagem.”

Sua esperança, como imigrante brasileiro nos EUA, é mudar a cultura conservadora americana para aceitar linguagem suja como uma ferramenta para avançar o conservadorismo. Ele também espera “libertar” os EUA do “mito” da Inquisição.

Muitos imigrantes brasileiros são “porcos” e ignoram. Mas eles ficam extremamente ofendidos e horrorizados se você os chamar de acordo com a conduta e linguagem porca deles.

Se Trump estivesse no Brasil, ele não teria nenhuma necessidade de pedir perdão por nenhuma linguagem vulgar. Aliás, ele poderia expandir e usar quaisquer palavras toscas e imorais que quisesse, até mesmo entre “conservadores.”

Mas nos EUA, muitos republicanos e conservadores estão pedindo que ele renuncie por suas palavras sujas passadas. Então os imigrantes brasileiros deveriam deixar os EUA por sua conduta porcalhona? Os brasileiros que se proclamam conservadores deveriam deixar o conservadorismo brasileiro por importarem da Esquerda a mesma conduta e linguagem porca?

Se os brasileiros, e seus imigrantes nos Estados Unidos, não são “porcos,” por que ficar ofendido com a acusação alegada de Trump contra eles? Por que se gabar de linguagem porca?

Versão em inglês deste artigo: If Brazilian Immigrants in the U.S. Are Accused of Being “Pigs,” Why Blame Trump?

Fonte: www.juliosevero.com

Leitura recomendada:

Imigração: Uma arma de destruição cultural em massa nas mãos de esquerdistas

Por que xingar? Uma resposta a Olavo de Carvalho

Um neocon brasileiro?

Trump é um agente da KGB?

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s