Sem respeito pela família e pelas nações: governo dos EUA gasta milhões em treinamento de militantes gays no mundo inteiro

Sem respeito pela família e pelas nações: governo dos EUA gasta milhões em treinamento de militantes gays no mundo inteiro

Comentário de Julio Severo: Em 1992, traduzi para o português as partes mais importantes do NSSM 200 (sigla em inglês para Memorando de Estudo de Segurança Nacional 200: Implicações do Crescimento da População Mundial para a Segurança e Interesses Externos dos EUA) preparado pelo Conselho de Segurança Nacional dos Estados Unidos em 1974.

Como seu título indica, o NSSM 200 tem muitas estratégias secretas de controle populacional exclusivamente para atender aos interesses do governo dos EUA. Esse documento, que cita abundantemente o papel estratégico da USAID nesse projeto colossal, mostra que os EUA manobrou a ONU e outras agências internacionais para integrarem políticas de controle populacional no sistema de saúde internacional, inclusive no Brasil. Lamentavelmente, suas metas têm sido amplamente alcançadas, depois de décadas de desinformação e investimentos em massa. Com essa pressão, agora a ideologia de planejamento familiar, com sua pervertida propaganda de educação sexual e aborto, é sagrada no Brasil.

Hoje, a pressão dos EUA, que está aumentando seus controles, é dirigida à aceitação do homossexualismo. Em vista do imenso sucesso dos EUA na “aceitação” da ideologia do planejamento familiar no mundo inteiro, há alguma dúvida de que o governo dos EUA falhará em seus esforços para exportar e impor o “casamento” gay e a agenda gay? Por favor, leia o artigo abaixo do Conselho de Pesquisa da Família:
Se o presidente Barack Obama não respeita as opiniões dos EUA sobre casamento, o que nos faz pensar que ele respeitaria outros países? Certamente não seu projeto mais recente da USAID. Em abril, num evento que passou em grande parte despercebido pela imprensa, a Agência Internacional de Desenvolvimento dos EUA (USAID) embarcou num dos mais chocantes abusos nos últimos cinco anos do dinheiro dos americanos que pagam impostos. Com a ajuda da Fundação Levi Strauss e do milionário esquerdista Tim Gill, o governo dos EUA está gastando 11 milhões para treinar ativistas homossexuais em outros países.
O Washington Blade, jornal gay da capital federal dos EUA, louvou o governo de Obama por criar um exército de militantes internacionais de pressão política, social e legal para fazerem campanhas em favor do “casamento” de mesmo sexo, leis anti-discriminação e “direitos” homossexuais no mundo inteiro. De acordo com a USAID, a primeira fase do programa focará em países com forte influência católica: Equador, Honduras, Guatemala e outras nações em desenvolvimento que se opõem à homossexualidade.
Nesta semana, a primeira de uma séria de “treinamentos gays” da USAID ocorreu na Colômbia, um país que está sendo especificamente visado por rejeitar o “casamento” de mesmo sexo. A meta, uma porta-voz da agência diz, é ensinar as pessoas como se infiltrar no sistema político e defender leis que a maioria dos americanos, que estão pagando as despesas desse programa, não aceitam. “Esse programa poderá ser um poderoso instrumento de transformações para avançar os direitos humanos LGBT,” insistiu ela. Em essência, os americanos que pagam impostos estão sendo forçados a treinar a próxima geração de agressivos militantes homossexuais no mundo inteiro — uma exploração chocante do dinheiro dos americanos e, o que é mais importante, da confiança deles.
Para o governo de Obama, essa é apenas outra parte de sua estratégia de força bruta de intimidar os países a se submeterem. Quer seja por meio dos Estados Unidos, das embaixadas americanas ou do Departamento de Estado, o presidente Obama está liderando a campanha para subornar e coagir países pobres a aceitar sua agenda pró-homossexualismo. Nossos amigos no Family Watch International estão pedindo que as pessoas se envolvam. Eles produziram um chocante documentário que destaca o mundo tenebroso do “Imperialismo Cultural” do presidente dos EUA.
Para assistir em português ao trailer do documentário, clique aqui: http://youtu.be/lHTVITx5k9k
Para assistir ao documentário completo em português, clique aqui: http://youtu.be/HbjAFUGQ3Xg
Leitura recomendada:

2 comentários sobre “Sem respeito pela família e pelas nações: governo dos EUA gasta milhões em treinamento de militantes gays no mundo inteiro

  1. Sobre essa agenda do kapeta, melhor dizer que tem a vver com o governo mundial. Da maneira que a materia eh apresentada, trabalha-se contra o povo dos Estados Unidos. Seria o mesmo que dizer que o desgo erno eskerdista brasileiro me representa.Antonio.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s