Pastor presbiteriano defende o escritor Julio Severo de matilha comunista

Pastor presbiteriano defende o escritor Julio Severo de matilha comunista

Alberto Thieme comenta a atitude do missionário americano Bill Hamilton de se envolver em sites esquerdistas de fofocas contra o escritor brasileiro Julio Severo.

Rev. Alberto Thieme
Com a atitude do site de fofocas Genizahe de Thiago Lima Barrosde usarem falatórios de um missionário americano para ameaçar o escritor Julio Severo, inclusive expondo uma obsessão de encontrar o endereço dele (expondo assim a ele e sua família com várias crianças pequenas a ameaças de militantes esquerdistas e gayzistas), resolvi expor minha opinião, como pastor presbiteriano.

Ao tomar conhecimento das acusações, fiz contato com Bill Hamilton, o missionário americano, apontando para ele os graves erros cometidos e pedindo-lhe a retirada das acusações, conforme nos ensina a Bíblia em Mateus 18, versos 15 a 17. O texto no Genizah, cujo trabalho de calúnias já é notório na internet, levanta a acusação de que Julio Severo estaria fazendo propaganda enganosa ao dizer que está fora do Brasil. Na opinião dos que maquinaram o texto difamatório, Julio estaria escondido no Brasil.

Isso é mentira, pois tenho acompanhado pessoalmente o Julio desde o ano em que ele saiu do Brasil e, publicamente, digo que todos os que levantaram essa acusação mentiram.
Bill tenta acusar Julio de mentiroso, por conversar intimamente com ele sobre desafios enfrentados por uma família diante de um sistema governamental que esmaga os direitos dos pais. Bill disse que denunciou a família do Julio às autoridades consulares americanas. Ao ler sobre isso, David Schutzita disse: “como judeu que sou, temo declarações de evangélicos que denunciam supostos ‘irmãos’ por tentarem preservar a integridade de sua família. Penso o que seria do meu povo se todos tivessem a atitude desse tal Bill…”
Mas outro grave erro acaba aparecendo nas próprias palavras do Bill, alegando “não sabia que o entrevistador, Thiago Lima Barros, tinha uma ligação com o Genizah”. Ora, o missionário Bill tem um grande trabalho missionário entre os universitários. Esse trabalho requer um elevado grau de conhecimento a fim de poder responder às perguntas dos universitários. Vemos, assim, que ele tem experiência de conhecimento.
Ninguém, absolutamente ninguém, dá uma entrevista sem saber onde vai ser publicada. Uma simples pesquisa de Google prontamente revelaria que a ocupação mais importante da vida de Thiago é trabalhar no Genizah. Thiago não tem nenhum destaque em nenhum outro lugar. Sua importância no mundo virtual está diretamente ligada ao Genizah.
Ainda que o missionário tivesse cometido tamanha “inocência” de dar uma entrevista sem saber onde sairia, há a motivação original de Bill. Ele disse que não procurou nem o Genizah nem o Thiago, mas isso está longe da verdade. Thiago escreveu, dois anos atrás, um artigo difamando Julio. O artigo foi publicado no Observador Cristão, um dos sites laranjas do Genizah. Aliás, conforme documentação que temos, quem abriu este site foi o próprio Danilo Fernandes.
No artigo difamador, “Julio Severo um lobo em pele de ovelha”, Thiago ataca Julio apenas com a ajuda da imaginação, e Bill, usando o perfil BeA, oferece a Thiago publicamente mais informações sobre o Julio. No comentário de dois anos atrás, Bill diz: “Aceitaria um depoimento de alguém de Niterói que acompanha Julio Severo desde sua vinda ao Rio em 2006?” É uma atitude estranha um missionário, que deveria pregar e viver a ética cristã, se envolver em falatórios conjuntamente com notórios difamadores e fofoqueiros. Quando lemos um texto que comete difamações, oferecemos ao difamador mais informações para atacar a vítima? Foi o que Bill fez.
Portanto, a tentativa dele de lavar as mãos, dizendo que não sabia que Thiago tinha ligação com o Genizah ou que foi Thiago quem o procurou, é um grave deslize para alguém que diz ser cuidadoso e prudente na preservação da ética cristã pessoal. Além disso, há o nome da missão para a qual ele trabalha que deve ser zelado também.
Ao contrário de Thiago e Genizah, Julio tem registro sólido de denúncia contra o pecado, sem envolvimento com maledicência. Ele tem um livro sobre o movimento homossexual publicado originalmente pela Editora Betânia em 1998. E muito antes de existir Genizah, ele já sofria perseguição. Desde pelo menos 2006, havia acusações formais da Associação da Parada do Orgulho Gay de São Paulo contra ele. Ele não mandou nenhuma ameaça a essa associação, mas o diretor dela, ao visitar voluntariamente o blog do Julio, não gostou do que o Julio disse sobre a homossexualidade. Daí, fazendo queixa ao MPF.
E agora há a ameaça mais recente, onde os mais importantes grupos homossexuais do Brasil estão entrando com ações legais contra Júlio por causa de um dossiê que ele divulgou semanas atrás. Um grupo homossexual chegou a visitar um apartamento em São Paulo achando que um senhor “Julio Severo” que ali vivia era o mesmo Julio Severo buscado por eles — e buscado também pelo site de fofocas, que ameaçou expô-lo.
Além disso, há muitas outras queixas e ameaças do movimento homossexual contra ele. Algumas das ameaças foram descobertas por mim e eu repassei a ele. Sei que a situação dele é séria e crítica. E a matéria difamatória do Genizah aumenta as graves ameaças à integridade física de Julio, sua esposa e cinco filhos pequenos, ao ameaçar publicamente descobrir o endereço dele. Isso é uma atitude direta de colocar uma família em risco, e deveria ser denunciada pelo missionário e por outros que têm verdadeira ética cristã. Mas o que vimos foi o missionário entrando em conflito com a ética cristã, para acusar sua vítima de mentirosa; o que vimos foi o missionário procurando indivíduos que mentem e querem destruir Julio e sua família, num banquete de ímpios e zombadores onde o importante é derrubar um irmão em Cristo que denuncia o que tem de ser denunciado: O marxismo e o gayzismo, que são ideologias diabólicas.    
Nestes anos todos, nunca ouvi falar do trabalho do Bill. Mas agora, com as fofocas, intrigas e ataques fortalecidos por ele num site dedicado a falatórios, o nome do Bill está em destaque na internet. É uma vergonha para ele, e também para outros presbiterianos que estão divulgando as fofocas e confirmando que o Genizah realmente representa os presbiterianos. Como presbiteriano, estou perplexo e abatido que o presbiterianismo brasileiro tenha se reduzido ao comportamento de um site autodenominado calvinista que se dedica a fofocas.
Falei com o Bill, e ele não apresentou nem sequer uma justificativa para ter tomado a decisão de expor um servo de Deus ao escárnio, difamando, caluniando, injuriando e incitando-o ao ódio dos que estão determinados a persegui-lo.
Sites ditos presbiterianos que divulgaram a difamação cometeram irresponsabilidade. Devemos ser cuidadosos, pois com uma simples leitura dá para se perceber que Bill, Thiago e Genizah tiveram segundas intenções ao publicarem seu artigo, que fere o código penal em vários pontos.
Os sites e blogs ditos presbiterianos que amam o Genizah deveriam se converter e usar seus canais para edificar pessoas, nunca para “espalhar contendas entre irmãos”, conforme diz Provérbios 6:16 a 19. Nesse texto, Deus considera mais grave “espalhar contenda entre irmãos,” isto é, “fofocas,” do que um “ímpio derramar sangue inocente”.
Outro fato é que se Bill ficou triste com qualquer situação, a Bíblia ensina que devemos em primeiro lugar buscar o irmão que nos ofendeu, conforme Jesus ensinou em Mateus 18, versos 15 a 17: “Ora, se teu irmão pecar contra ti, vai, e repreende-o entre ti e ele só…”
Para terminar, a Bíblia diz que devemos amar até nossos inimigos, pois amar amigos todos amam. Portanto, onde está o amor cristão? Pelo menos, onde está a ética cristã?
Como está a vida espiritual deste missionário, agindo desta forma carnal? Como está a vida espiritual dos donos e articulistas de sites e blogs ditos presbiterianos que estão divulgando essa carnalidade e “espalhando contendas entre irmãos”?
Satanás, o supremo caluniador, está grato pelo trabalho missionário do americano em parceria com os caluniadores Genizah e Thiago Lima Barros.
Alberto Thieme é pastor presbiteriano e presidente da ADHT.
Divulgação: www.juliosevero.com
Leitura recomendada:

14 comentários sobre “Pastor presbiteriano defende o escritor Julio Severo de matilha comunista

  1. Dei uma pingada no artigo difamatório em questão. Deprimente, baixo e insensato. Parece que foi escrito por uma criança de 10 anos mimada pelo mundo. Severo, eu acredito que o senhor é um verdadeiro servo de Deus. Pinguei em vários cantos que se dizem "cristãos" e não vi a mesma fidelidade e eficiência para com Deus como aqui.Aliás, foi lendo esse blog que eu me converti á Jesus Cristo. Foi lendo esse blog que eu encontrei o Senhor.Continue seu bom trabalho. Fique com Deus.

  2. Sobre o vocabulário do Olavo… fica uma contradição: Se seu trabalho e blog é pró família e a favor dos valores judaico-cristãos, fica cada vez mais difícil divulgar para uma família conteúdos como do vídeo. Enquanto você não se importar com isso talvez achando que é moralismo, continuará perdendo oportunidades de alcançar mais pessoas. Se o trabalho não é alcançar pessoas com a verdade então é o que? Divulgar escândalos? Pense nisso, pois as vezes o pecado acaba e tornando normal, demais.

  3. Oi, Wilson! O Olavo não é evangélico. Já tentei falar com ele sobre palavrões, mas não adianta. Você já tentou falar sobre isso com alguém que não é convertido? Quando ele realmente conhecer a Cristo, a boca ficará limpa. Mas o mais preocupante não é a pessoa que não é evangélica falando palavrão. O preocupante é o evangélica. Veja aqui o caso do dono do Genizah, clicando no link abaixo:A boca suja do dono do GenizahAgora veja nosso comportamento diante de pessoas crentes e não crentes com comportamentos errados.“Já vos adverti por carta que não vos associásseis a nada que fosse imoral. Dizendo isso, não me refiro às pessoas imorais deste mundo, nem aos avarentos, ou aos ladrões, ou ainda, aos idólatras. Se assim fosse, seria necessário que saísseis do mundo. Entretanto, agora vos escrevo para que não vos associeis com qualquer pessoa que, afirmando-se irmão, for imoral ou ganancioso, idólatra ou caluniador, embriagado ou estelionatário. Com pessoas assim não deveis sequer sentar-se para uma refeição.” (1 Coríntios 5:9-11 KJA)Nossa prioridade não é evitar o não crente, mas o crente que tem boca suja e outros comportamentos ímpios.

  4. Júlio,Não sei se você vai concordar comigo, mas eu penso assim: pessoas que se dizem crentes e que apresentam comportamento de ímpios são piores até do que os próprios ímpios (Danilo Fernandes é um bom exemplo disso).No caso do Olavo de Carvalho, há uma ressalva: ele não é evangélico (talvez seja por isso que ele ainda fala palavrões). Mesmo assim, ele tem mais sabedoria do que muitos que se dizem evangélicos.Pode até ser exagero da minha parte, mas eu creio que ele, quando se converter a Jesus, vai deixar de falar palavrões.A Palavra de Deus diz qual deve ser a verdadeira postura de um cristão ao falar com alguém:"Em tudo te dá por exemplo de boas obras; na doutrina mostra incorrupção, gravidade, sinceridade; Linguagem sã e irrepreensível, para que o adversário se envergonhe, não tendo nenhum mal que dizer de nós" (Tito 2:7–8)Quantos, que se dizem cristãos (como Danilo Fernandes e outros que agem igual a ele), ainda estão lembrados disso?

  5. Júlio,Esse pastor americano (o tal do Bill Hamilton) agiu exatamente igual a Judas Iscariotes quando traiu Jesus: ele entregou você de bandeja aos inimigos. Tendo amigos desse tipo, quem precisa de inimigos? Ou melhor, com "cristãos" assim, quem precisa se preocupar com os ataques do diabo?Será que ele é tão inocente a ponto de não saber quem realmente é Thiago Lima Barros ou o pessoal do Genizah?É bem provável que esse pastor já tenha esquecido de como o diabo e seus escravos agem:"E não vos admireis dito, já que o próprio Satanás insiste em se transformar em anjo de luz. Não é muito, portanto, que os seus ministros apareçam como ministros da justiça; e o fim deles será segundo as suas obras" (2 Coríntios 11:14–15)É por isso que eu não confio em ninguém (nem mesmo em muitos que se dizem cristãos). É como bem disse o apóstolo Paulo:"Seja Deus verdadeiro e todo homem mentiroso" (Romanos 3:4)Alguém concorda comigo?

  6. O Sr. Eliel acima disse: "É por isso que eu não confio em ninguém (nem mesmo em muitos que se dizem cristãos)." Além de eu não acreditar em qualquer um que se diz cristão, também não acredito em qualquer instituição que se diga igreja. Para falar a verdade, está bem difícil encontrar uma igreja que não tenha se apostatado em pelo menos algum ponto bíblico.[]'sWillians

  7. Respondendo ao Willians,Amigo Willians,Eu começo este meu comentário fazendo 7 perguntas muito simples, mas também muito diretas (escolhi este número, porque é o número que representa a perfeição de Deus):1 – Qual a verdadeira igreja de Jesus: é a que obedece somente à Palavra de Deus, que combate com firmeza o pecado, que não tolera as coisas mundanas dentro dela, e que não compactua com heresias, nem falsos profetas (e nem outras teologias e outros evangelhos)? Ou é a que aceita todo tipo de gente, que adota o "politicamente correto" (mas biblicamente imoral) para agradar aos homens e ao mundo, que tolera os "modernismos" (leia-se sujeira) do mundo, e que deturpa a Palavra de Deus para a conveniência de alguns?2 – Qual a verdadeira igreja de Jesus: é a que zela pela obediência total e irrestrita à Palavra de Deus, que mostra o homem como alguém perdido que precisa urgentemente de um Salvador? Ou é a que prega um evangelho mais "humanista", onde o homem convive naturalmente com o pecado (e não sente nenhuma necessidade de arrependimento)?3 – Qual a verdadeira igreja de Jesus: é a vê o mundo em oposição a Deus? Ou é a que se alia ao mundo (e à sua sujeira) e fica contra Deus?4 – Qual a verdadeira igreja de Jesus: é a que está disposta a ser perseguida ou sofrer (e até morrer) por amor a Jesus e à verdade da Sua Palavra (conforme João 15:10)? Ou é a que faz a "política da boa vizinhança" para agradar a tudo e a todos (inclusive o diabo e seus escravos)?5 – Qual a verdadeira igreja de Jesus: é a que prefere ser reprovada pelos homens (mas aprovada por Deus)? Ou é a que agrada aos homens (e desagrada a Deus)?6 – Qual a verdadeira igreja de Jesus: é a que prega que Jesus ama o pecador, mas condena o pecado? Ou é a que diz que Jesus é somente amor (e só prega o que for agradável para quem estiver ouvindo)?7 – Enfim, qual a verdadeira igreja de Jesus: é a que fala diretamente as verdades dolorosas que muitos estão precisando ouvir (e adverte a todos sobre a inevitável justiça de Deus após a morte)? Ou é a que negligencia a necessidade de arrependimento e de santificação (para que todos possam alcançar a salvação)?Com base nesses questionamentos, o possível diagnóstico que se pode fazer de muitas pessoas e igrejas que se dizem cristãs é o seguinte:– A igreja cristã, atualmente, parece estar impotente e anestesiada diante do domínio praticamente total e absoluto do pecado em todo o mundo. Mas o pior disso tudo é que, ao invés da igreja mudar o mundo, é o mundo quem está mudando a igreja. Em outras palavras: muitas igrejas (inclusive as que se dizem cristãs) estão tolerando a sujeira do mundo no seu interior (ao invés de permanecerem firmes no combate ao pecado).– Está sendo muito difícil, ultimamente, achar, dentro de algumas igrejas, cristãos autênticos (que tenham compromisso somente com a obediência à Palavra de Deus). Os mártires da fé cristã não hesitaram quando foram obrigados a escolher entre o pecado e a morte. O lema deles era este: "Antes morrer do que pecar". Eles permaneceram firmes nas suas convicções, e acreditavam que esta corajosa decisão que tomavam agora certamente será lembrada no tribunal divino. Este é o doloroso preço que o verdadeiro cristão tem que pagar pela sua luta contra o pecado.Diante de tudo que foi dito aqui, eu pergunto a todos:– Quem, nos dias de hoje, estaria disposto a ser uma voz profética firme e forte (como Elias ou João Batista) para denunciar e combater todo e qualquer pecado?– E, principalmente, quantos hoje fariam como os fiéis da igreja de Esmirna (que, por amor a Jesus e à verdade da Sua Palavra, aceitaram a morte sem nenhum medo)?Se você (ou alguém daqui) quiser dizer alguma coisa (ou puder responder a estas perguntas na primeira oportunidade), ficarei agradecido.

  8. Excelente a resposta do irmão Júlio ao Wilson.Há uma certa diferença entre o descrente e o ímpio. Impiedade é sinônimo de perversão, má índole, identidade com o mal. Tomemos por exemplo o centurião Cornélio, que embora não conhecesse plenamente a verdade do Evangelho, era um homem piedoso, buscando em seu coração o Deus Verdadeiro.O exato oposto eram os hipócritas da sinagoga de satanás. Os que coam um mosquito e engolem um camelo.Não há evidência mais cristalina de que a sinagoga do diabo é representada nos dias de hoje justamente pela corja apóstata, muito bem personificada pelos elementos do genizah.Junto com muitos outros, eles são o perfeito exemplo do cumprimento profético da grande apostasia da qual fala II Tessalonicenses 2.3Amizade com o mundo é inimizade contra Deus e vice-versa. Por isso, nosso irmão Júlio tem motivos para sentir-se honrado ao ser alvo do ódio da escória pseudo-cristã.Ser amigo dessas criaturas seria muito preocupante, com fortes possibilidades de terminar na piscina de fogo e enxofre, onde eles estarão se não se arrependerem (o que eu acho muito dificil que aconteça, para ser realista).

  9. Sobre A boca suja do dono do Genizah, também li e fiz um comentário parecido, não ajuda em nada repetir com todas as palavras esse tipo de sujeira. Por enquanto infelizmente vou me limitar a não divukgar mais tanto o blog como eu fazia em público, alguns conteúdos podem trazer confusão ao povo.Eu sempre indicava o blog a muitos pais e mães de família que podem se constranger com algumas coisas que podem ser evitados (não reproduzindo palavrões por exemplo, e sinalizando com *). Mas o ideal continuo apoiando.

  10. Caro Wilson, eu não gostaria que pais e mães lessem muitos conteúdos que tratam do homossexualismo e outras perversões no meu blog. Você pode, é claro, selecionar o que for melhor para eles. Mas se um dia algum deles lhe perguntar sobre algumas dessas coisas, ou até mesmo se o Genizah é recomendável, você precisaria lhes mostrar uma prova. Infelizmente, tenho esses registros desagradáveis para tais oportunidades. Seja como for, use no meu blog tudo o que for útil. Como leitor do meu blog, você sabe que não é sempre que posto palavrões. Sobre o vídeo do Olavo no link, em atenção a você coloquei outra versão, onde editei os palavrões. Como copiei o artigo do Mídia Sem Máscara, o vídeo era deles. Mas pus o link do mesmo vídeo editado por mim. Espero que o Olavo deixe de falar palavrões. Com a conversão a Cristo, isso se tornará fácil. Já no caso do Danilo, que se diz evangélico (aliás, que se gaba de ser calvinista), o que dá para se esperar de uma boca suja calvinista? Conversão? Juízo final?

  11. Mary, só posso louvar a Deus por sua conversão lendo este blog. Normalmente, posto comentários e notícias de alerta aos cristãos, para despertá-los. Só raramente posso testemunhos, pois pela graça de Deus já há muitos outros lugares que focam na evangelização. Eu foco nos que já estão evangelizados e precisam se movimentar para usar o que já receberam de Deus. Oro para que você receba agora mais bênçãos de Deus neste blog. Se quiser enviar seu testemunho, eis meu email: juliosevero@hotmail.com?

  12. Esse Danilo é SUJO, PODRE e adultero, todo mundo aqui no Rio sabe, nem perca tempo falando deste lixo, a boca fala o q o coração sta cheio, não sou cristã, mas se esse cara for salvo eu sou DEUS.

  13. Como diz o ditado popular: "A mentira tem perna curta". Há um outro que afirma: "o que a mentira mais teme é a verdade". Que bom alguém do meio presbiteriano ter levantado a bandeira da verdade e exposto a irresponsabilidade do tal Bill ao associar-se a gente do naipe do Genizah para atacar e difamar um irmão em Cristo. Outros líderes presbiterianos deveriam levantar-e dizer que de presbiteriano o Genizah só tem o nome e desmascarar esta Malta.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s