Rússia não quer que crianças russas sejam entregues em adoção para duplas gays da França

Rússia não quer que crianças russas sejam entregues em adoção para duplas gays da França

Julio Severo
Com a ação radical do governo socialista da França de passar por cima da vontade de seu povo e dar legitimidade de “casamento” para as uniões homossexuais, inclusive forçando a entrega de crianças em adoção para duplas gays, a Rússia é o primeiro país do mundo a dar um tabefe no governo francês.

O presidente russo, Vladimir Putin, afirmou que a Rússia buscará efetuar mudanças no acordo sobre adoções de crianças russas por pais franceses, declarando que a união entre duplas homossexuais viola princípios e valores morais da Rússia.

“Precisamos reagir ao que está acontecendo ao nosso redor. Respeitamos os nossos parceiros, mas pedimos que respeitem as nossas tradições culturais e as normas éticas, legislativas e morais da Rússia,” declarou Putin.
Uma pesquisa nacional de opinião pública conduzida pelo instituto estatal de opinião pública VTsIOM em 2012 mostrouque 86 por cento dos 1.600 entrevistados na Rússia disseram que apoiam leis proibindo a promoção de relações homossexuais. Uma pesquisa de opinião pública de 2010 revelou que 74 por cento dos russos disseram que os homossexuais são “moralmente depravados ou aleijados” e acreditam que a homossexualidade é “uma perversão mental amoral”.
A medida de Putin de modificar o acordo de seu país com a França sobre adoção de crianças não é a primeira vez que a Rússia age para proteger suas crianças.
Em 2010, a Rússia já havia alterado seu acordo sobre adoções de crianças com os Estados Unidos. No novo acordo, duplas homossexuais americanas não têm permissão de adotar crianças russas.
A atitude da Rússia, de colocar normas éticas acima da ideologia homossexual, é um total contraste com o governo dos Estados Unidos, que vem exercendo um imperialismo cultural cada vez maior para homossexualizar seus próprios cidadãos e o restante do mundo.
Com informações do site homossexual A Capa.
Leitura recomendada:

12 comentários sobre “Rússia não quer que crianças russas sejam entregues em adoção para duplas gays da França

  1. Não sei se a Rússia é um país 100% cristão, mas ela tem tido uma postura firme na defesa da família, dos bons princípios, da moral e dos bons costumes (além de ser radicalmente contra o homossexualismo e outras aberrações).Vejam que ironia: a Rússia, até alguns anos atrás, era odiada por ser comunista. Os Estados Unidos se auto–denominava como país exemplo, se gabava de ser o melhor país do mundo (e era considerado o país mais cristão do mundo).Hoje, está tudo ao contrário: a Rússia abandonou o comunismo e está dando uma verdadeira lição de moral nos países que se dizem cristãos (não só os Estados Unidos, como também o Brasil e outros que agem igual). Os Estados Unidos vem decaindo moralmente, e já está contaminado pelo homossexualismo, bruxaria, satanismo, ensinamentos da Nova Era e outras coisas anti–cristãs (sem contar a atual tolerância ao islamismo).Aqui no Brasil, o quadro não chega a ser muito diferente dos Estados Unidos: temos um governo totalmente pró–homossexualismo, pró–aborto, anti–família e anti–cristão. Que futuro o nosso país terá com um governo corrupto desses no poder?A nossa bancada evangélica e nada é a mesma coisa. Além de ser omissa no combate ao pecado, essa mesma bancada ainda aceita "negociar" com o governo corrupto de Dilma (que, por sua vez, é um governo totalmente pró–aborto, pró–homossexualismo, anti–família, e anti–cristão). Será que os membros dessa mesma bancada já viram, em alguma página da Bíblia, Jesus e Satanás sendo amigos (ou Jesus fazendo acordo com Satanás)?A Palavra de Deus diz qual deve ser a postura de um verdadeiro cristão:"Ninguém pode servir a dois senhores; porque ou amará a um e odiará o outro, ou há de se dedicar a um e desprezar o outro" (Mateus 6:24)"Não vos coloqueis num jugo desigual com os incrédulos. Pois, que sociedade tem a justiça com a injustiça? E que união pode haver da luz com as trevas? E que aliança há entre Cristo e o maligno? E que parte tem o fiel com o infiel? E que concordância existe do templo de Deus com os ídolos?" (2 Coríntios 6:14–16)Será que muitos que se dizem cristãos (como os políticos da bancada evangélica) ainda estão lembrados disso?Eu diria mais: está faltando alguém que tenha coragem o suficiente para romper de uma vez por todas com esse governo podre e imoral, está faltando alguém que possa colocar a obediência à Palavra de Deus como diretriz para a nossa nação, enfim, está faltando alguém que possa tirar o Brasil do caminho do inferno que o PT colocou juntamente com outros partidos que pensam e agem igual!Quem se atreve a tomar essa iniciativa?Que esta mensagem desperte muitos que se dizem cristãos (mas que têm sido omissos no combate ao pecado)!"PARA QUE O MAL VENÇA, BASTA QUE OS HOMENS DE BEM NÃO FAÇAM NADA"

  2. O comentário do presbítero Valdomiro foi direto ao ponto. Realmente, os russos estão tendo uma postura firme contra o homossexualismo e outras aberrações (como esta da adoção de crianças por duplas gays).Já aqui no Brasil querem fazer exatamente o contrário: querem criar leis (o PLC 122 e outras leis a favor do homossexualismo) para calar a voz dos cristãos e das demais pessoas que são contra todo e qualquer pecado! Isso sem contar as nojentas e indecentes "Paradas Gays" que são promovidas com a cumplicidade deste nosso governo corrupto!Sinceramente, estou pensando em me mudar de vez para a Rússia. Pelo menos lá eu tenho certeza de que meus filhos e netos não serão contaminados pela podridão do homossexualismo!Parabéns aos russos pela sua corajosa atitude, e pela sua postura bem firme em defesa da família e dos bons princípios.

  3. Irmão Julio Severo escreveu : "A atitude da Rússia, de colocar normas éticas acima da ideologia homossexual, é um total contraste com o governo dos Estados Unidos."Não dá pra acreditar nessa frase de tão absurda , incrível e lamentável que ela é. Os valores da família, da moral, da ética, do bom senso, estão totalmente invertidos na nação que um dia foi considera a maior nação crista do planeta.Pastor Caleb.Ps: Parabéns a bela atitude do governo Russo.

  4. De um lado temos a Rússia, um país historicamente forçado a quase que um ateísmo de estado durante anos e de orientação marxista mas que rechaça completamente a promiscuidade e o gayzismo, isso até mesmo nos escritos de Lenin e Stalin, aquela história do tal decálogo de Lenin é balela, a parte sobre promiscuidade e liberdade sexual jamais foi dita, ao contrário, era classifica como anseio burguês, mesmo na França há marxistas ferrenhamente contra o casamento gay e principalmente contra a adoção de crianças por casais homossexuais, classificando isso acertadamente como invertidos ricos comprando crianças para poderem abusar delas e tornar tudo isso juridicamente “legal” (vide Alain Soral- de formação marxista- denunciando não só o gayzismo como denunciando as redes de pedófilos satanistas mundial que além de abusar sexualmente das crianças ainda as usa para rituais). Do outro lado temos a América, com seus neoconservadores de araque que falam, falam, falam mas no final das contas dão para trás na hora do casamento gay como o Glenn Beck e o Bill O'Reilly; temos neoconservadores que quase que silenciam sobre a rede de pedófilos satanistas que atua no mundo todo e que é extremamente bem relacionada com a elite mundial e quando o fazem é de forma totalmente etérea, como se eles não tivessem nomes (e sim, eles tem nomes e há até gente fugida por os ter denunciado ao público europeu). Não se trata de se a Rússia é legal ou se há outros planos por trás, trata-se de que a Rússia enquanto nação tem uma postura muito mais firme e séria do que os EUA, e não me refiro à esquerda americana, refiro-me principalmente a direita neoconservadora, abarrotada de sujeitos que brandem a Bíblia todas as vezes que isso lhes convém mas que não entendem sacrifício (nem querem entender, o negócio deles é transformas a palavra viva em letra morta em benefício material próprio), o carregar a própria cruz e seguir, mas que simplesmente dão à palavra a interpretação mais instrumentalizada possível culminando com o benefício mais materialista e momentâneo deles próprios. Só estou dizendo isso porque há o risco de aparecer alguém que não entendeu nada, chegou agora e ainda quer sentar na janelinha dizendo que Severo e seus leitores apoiam a Rússia, que são idiotas que não entendem o plano Eurasiano global e outros falatórios de quem parecer muito culto mas na verdade apenas decorou um discurso e não tem muito mais o que fazer além de tentar aparecer apenas criticando os outros. Uma coisa é uma coisa, outra coisa é outra coisa e o fato é que a Rússia de hoje se tornou exemplo do combate ao supremacismo gay.

  5. ""vide Alain Soral- de formação marxista- denunciando não só o gayzismo como denunciando as redes de pedófilos satanistas mundial que além de abusar sexualmente das crianças ainda as usa para rituais"".Tratam-se destes vídeos, a visualização é obrigatória por todos:.http://www.youtube.com/watch?v=OcCFimm9p90.http://www.youtube.com/watch?v=QphFnMLpYL8.Não vejo o marxismo de forma alguma como possuindo qualquer carater tradicional e nem tão pouco como algo que um dia lutou ou defendeu valores familiares, e para tanto não importa se Lenin falou ou não tal coisa, o que importa é que o marxismo é intervencionistas e não aceita limites ao seu poder, e a família natural é um limite, portanto para o marxismo ela deve ser destruida e é isto que os marxistas fazem. .O marxismo pode um dia em um país ou em outro ter defendido e promovido a família natural, mas fez isto apenas porque necessitava de mão e obra e de soldados, apenas por isto e não porque veja nela algo perene que de fato deve ser conservada e protegida. .A única coisa que ainda se pode ver de válido e racional no marxismo está apenas em seu lado econômico, na noção de que o capitalismo tende ao monopólio e a concentração catastrofica e fatal de capital. De resto, mesmo o Sorel erra por conta dessa crença de que o marxismo pode ter algo de conservador e de valor moral em si mesmo, alias todo o movimento de terceira posição erra por esta noção absurda de negar a realidade de uma real e verdadeira oposição moral e total, uma oposição verdadeiramente espiritual e metafísica entre esquerda e direita. Não existe esta coisa de "nem de direita ou de esquerda, terceira posição". Não, ou se é de direita ou de esquerda, e a noção de uma posição intermediaria válida entre os dois campos pode existir no máximo no campo econômico. Jamais moral. Portanto a esquerda é sim moralmente culpada pele fim do mundo, e nem mesmo um maxista sensato e religioso como Sorel pode livrar ela disso.

  6. Eu tenho planos que eu quero ter casa fora do brasil é pelo barulho da carruagem eu vou quer ter uma residência na Rússia e vou aprender a língua russa rs rs rs. É um país que não tá cedendo ao movimento homossexual é a ditadura gay não está tendo vez e espaço eles estão firmes na defesa da moralidade e da preservação da família natural que só constituído por um "Homem & Mulher" eles estão combatentes incansáveis ao pecado homossexual.Ester

  7. Para mim, tá claro que o que está acontecendo é a Nova Ordem Mundial buscando associar todos que são contra o Gayzismo à Rússia.E por que isso? Lembremos que a Rússia apoia regimes terroristas como a Síria e o Irã. Logo, posturas contra o Gayzismo equivalerão, na prática, ao apoio ao terrorismo e luta contra o Ocidente.Estamos vendo diante de nossos olhos a Banda manipuladora passar sem que possamos fazer muita coisa para nos desvencilharmos destes rótulos que logo estarão colados em nossas testas.Não podemos esquecer que há fortes indícios de que a KGB está por trás de boas cagadas que se fizeram no Mundo no séc. XX…e conspirações também!

  8. O que você tem de fazer, ebral, é ser imparcial e atacar todas as bandas manipuladoras. A Rússia apoia a Síria, que, bem ou mal, tinha até agora uma população católica bem protegida. Os rebeldes sírios, que querem a derrubada do governo sírio, são ligados a al-Qaida. Isto é, são piores do que o governo sírio e querem a matança dos cristãos. Mesmo assim, esse rebeldes são sustentados pelos EUA, que têm a sua própria KGB, isto é, a CIA, a maior organização espiã do mundo. A diferença entre a banda manipuladora dos EUA e da Rússia é que, de longe, a banda manipuladora americana, com seu imperialismo internacional a favor do aborto e do homossexualismo, é muito mais perigosa do que a banda manipuladora da Rússia. É preferível apoiar as posturas anti-homossexualismo da Rússia do que apoiar as posturas descaradamente pró-homossexualismo dos EUA. Ou você é do tipo “Sou fã dos EUA até morrer”?

  9. Júlio, é óbvio que, em termos de argumentação, prefiro abonar a Rússia. Mas, em seus fins, eles não têm a justificação cristã que nós temos. A virtual oposição entre Rússia e EUA – o próprio Olavo de Carvalho já nos alertava – é artificial, É UM JOGO DE CARTAS MARCADAS!Inimigos artificais para criar um cenário, para polarizar o mundo da forma pretendida pelos globalistas, que dominam ambos os lados como a bonecos. Não podemos entrar nesse debate, senão estaremos caindo nas falsas premissas desse debate – que não foi criado por nós. Temos que denunciar a fraude desse debate criado artificialmente pelos Bilderbergs.Lembra quem financiou os bolcheviques russos em 1917? Quem financiou Stalin e a industrialização russa? Banqueiros ocidentais, contra os quais juraram de morte os russos! A Guerra Fria foi uma fraude para polarizar pelo medo o mundo, dividí-lo ao bel prazer das elites. E a nova oposição Rússia X Ocidente gayzista é apenas uma fraude, quando sabemos por várias fontes que os palácios ortodoxos e presidenciais russos são recheados de casas de tráfico infantil pedófilo.Não podemos entrar nesse debate nem tomar partido, mas denunciar a falsidade dessa aparente oposição.

  10. Se toda boa coisa que ocorrer nos EUA e na Rússia (por exemplo, oposição à ditadura gay), tivermos de atribuir a forças ocultas ou supostas elites mundiais, então estaremos banidos de dizer qualquer coisa boa desses dois países. Não vejo base lógica ou bíblica para se fazer tais atribuições. Se eu seguir tal linha ilógica de raciocínio, eu teria de remover milhares de artigos no meu blog que mostram as coisas boas dos EUA.

  11. O problema não é a diversidade de coisas boas ou más que aconetecem nesses países, ou o que se diz ou se acha lá, mas que tipo de opinião vira lei.Você acha que a maioria do povo francês apoia o "ajuntamento" gay na França, assim como adoção de crianças por gays? Sabendo a resposta, te pergunto: o que acabou virando lei: a opinião da maioria ou a do lobby?Não digo que há um determinismo, mas que enquanto a maioria de nós faz o que tem de fazer – cuidar da Vida e da Família -, outros estão focados na corrupção do mundo, atropelando a tudo e todos. E isso aconetece há séculos. Não admitirão derrotas políticas, pois na esfera política não há grupos que lhes faça frente lá no topo.No topo – podium construído por eles -, só chega quem eles querem. E é lá que se fazem as leis. Acredito sim que a população mundial acorde e venha a se opor a tudo isso, mas as cordas dos ventrílocos estã bem amarradas. Enquanto Pinóquio acha que tem vida (autonomia) própria, Geppeto ri-se, escondido na oficina.Espero que não se zangue com minha divergência. É apenas divergência mesmo. Estou com você em seu trabalho. Afinal, minha opinião é e sempre será apenas relativa (pessoal).Um abraço em Cristo!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s