Procurador quer que Marco Feliciano sofra do STF ação penal por “discriminação” à sodomia

Procurador quer que Marco Feliciano sofra do STF ação penal por “discriminação” à sodomia

Maior Assembleia de Deus do Brasil enviará a Dilma Rousseff documento apoiando Feliciano

Julio Severo
O procurador-geral da República, Roberto Gurgel, pediu nesta semana ao Supremo Tribunal Federal (STF) que abra um processo criminal contra o deputado federal e pastor Marco Feliciano (PSC-SP) por alegada discriminação aos homossexuais.

No documento enviado ao STF, Gurgel acusa que Feliciano enviou mensagens de Twitter contra a orientação sexual dos homossexuais. Segundo o procurador, no Twitter Feliciano se referiu ao comportamento homossexual como “podridão”. Gurgel disse: “A simples leitura da declaração do investigado evidencia o seu caráter discriminatório e agressivo”.

Evidentemente, se Gurgel tivesse lido a Bíblia só uma vez, ele teria encontrado motivo suficiente para acusar Deus de ser pior do que discriminatório e agressivo. Na Bíblia, Deus diz:
“O homem que se deitar com outro homem como se fosse uma mulher, ambos cometeram uma abominação, deverão morrer, e seu sangue cairá sobre eles.” (Levítico 20:13 KJA)
Abominação significa coisa detestável, repugnante, nojenta, asquerosa, etc. Essa é a opinião oficial de Deus sobre as práticas homossexuais.
Na prática, Gurgel está agindo como se existisse um PLC 122 imperando no Brasil. De acordo com reportagem do Estadão, o “procurador disse que foram superadas visões preconceituosas e anacrônicas sobre a homossexualidade, como as que a consideravam um pecado”.
Essas visões “superadas”, que consideram as práticas homossexuais como pecado, são na verdade as palavras da Bíblia na boca dos cristãos. Essas palavras, de acordo com o que Gurgel disse ao Estadão, são “expressão de natureza homofóbica de induzimento e incitação à discriminação de homossexuais”.
Se a opinião de Gurgel for formalmente aceita pelo STF, a legalização do PLC 122 será desnecessária. Bastará o raciocínio descabido dele para que as pessoas sejam condenadas por “homofobia”. Feliciano está sendo colocado como teste.
O procurador, que parece andar ocupadíssimo monitorando o Twitter de Feliciano, parece nunca ter tido tempo de ver as palavras de Luiz Mott, o líder do movimento homossexual do Brasil, defendendo a pedofilia.
Pelo menos, nunca se viu Gurgel pedindo uma ação penal do STF contra Mott.
O alvo dele é Feliciano, não Mott, porque o que Mott prega e faz (enfiar e receber o órgão sexual masculino no traseiro de outro homem) é belo, moderno, decente, etc. Mas o que Feliciano prega (reprovar biblicamente a “beleza” das práticas homossexuais sancionadas pelo excelentíssimo procurador-geral que se acha o ditador da liberdade de expressão) é “abominação!”
Ao que parece, Gurgel quer fazer Feliciano de exemplo para todo cristão no Brasil que levar Deus e sua Palavra a sério, a mesma Palavra que diz: “Todo ser humano [inclusive o senhor Gurgel] é como a relva e toda a sua glória, como a flor da relva; a relva murcha e cai a sua flor, mas a Palavra do Senhor permanece para sempre”. (1 Pedro 1:24,25 KJA)
Cedo ou tarde o senhor Gurgel verá que as palavras superadas não são as palavras que saem da boca de Deus, mas as que saem da boca da relva.
Contudo, nem tudo parece estar perdido. Milhares de pastores da CGADB (Convenção Geral das Assembleias de Deus no Brasil) que estavam reunidos em Brasília na terça-feira, 9 de abril, aprovaram uma moção de apoio a Marco Feliciano. A CGADB é presidida pelo Pr. José Wellington.
O documento deverá ser enviado a presidente Dilma Rousseff e ao presidente da Câmara, Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN).
Depois da votação, do púlpito Feliciano agradeceu o apoio e disse “nunca houve uma comissão com tanta oração. Os pastores estão orando pela minha vida e pela comissão. Venceremos esta batalha. Quero agradecer essa moção”. Ele referia-se à CDH (Comissão de Direitos Humanos) da Câmara dos Deputados, a qual preside mesmo sob pressão para que renuncie ao cargo. As pressões estão vindo principalmente das esquerdas seculares e evangélicas.
Em entrevista (disponível neste link: http://youtu.be/URnhIGXAvuQ) a Silas Daniel, da CPAD News, Feliciano agradeceu o apoio oficial da CGADB, que não só é a maior denominação assembleiana do Brasil, mas também de longe a maior denominação evangélica do Brasil. (Não confundir a CGADB com a CONAMAD, a segunda maior denominação assembleiana, presidida pelo Bispo Manoel Ferreira, que se encontra sob escândalo envolvendo organizações do Rev. Moon.)
O apoio oficial da imensa CGADB a Feliciano é o apoio evangélico mais importante que ele recebeu até o momento, em meio a inúmeras manifestações de oposição de protestantes esquerdistas de outras denominações.
A reunião da CGADB em Brasília trouxe cerca de 24 mil pastores assembleianos, que enfim apoiaram seu colega de ministério.
Esperemos que outras denominações ou pelo menos líderes denominacionais tenham a coragem de dar apoio a Feliciano e de mandar cartas para Dilma Rousseff, pois em jogo não está a Assembleia de Deus e nem mesmo um simples pastor assembleiano. Em jogo está a liberdade, a família, a vida e o Cristianismo.
Se Feliciano for levado a julgamento por “homofobia”, todos seremos acusados de seguir “visões superadas” por acreditarmos nas palavras da Bíblia, e todos seremos julgados como criminosos por aqueles que acham que liberdade de expressão é um direito exclusivo apenas para os que ousadamente manifestam pela boca e pelas ações obscenidades e agressividade em prol da sodomia.
Com informações do Estado de S. Paulo e da Folha de S. Paulo.
Leitura recomendada:

17 comentários sobre “Procurador quer que Marco Feliciano sofra do STF ação penal por “discriminação” à sodomia

  1. Júlio,Essa atitude do STF contra o pastor Marco Feliciano já era mais do que esperada. Aliás, não se pode esperar nada de bom vindo de uma instituição totalmente a serviço de um governo corrupto (e também pró–homossexualismo).Se esse mesmo STF aprovou o aborto anencefálico (e também o casamento homossexual), o que custaria abrir um processo contra um servo de Deus que não aceita o "politicamente correto" do governo?Infelizmente, não há nenhuma instituição totalmente confiável ou imparcial para defender os cristãos. Neste exato momento, só podemos contar com Deus e com nossas próprias forças (oração, jejum e ação).Não foi sem razão que o apóstolo Paulo disse que todos aqueles que quiserem viver piedosamente em Cristo Jesus serão perseguidos (2 Timóteo 3:12). É nessas horas (das provações e das perseguições) que se vê quem é cristão de verdade!Oremos para que o pastor Marco Feliciano seja vitorioso nessa luta contra a fúria das trevas.

  2. Tirado do Jornal do Brasil (http://www.jb.com.br/pais/noticias/2013/04/09/pgr-formaliza-denuncia-por-discriminacao-contra-feliciano/) – A abertura do inquérito foi gerada em consequência da seguinte frase postada pelo deputado em seu blog, em 30 de março de 2011: "A podridão dos sentimentos dos homoafetivos levam ao ódio, ao crime, à rejeição". Como não há ainda na legislação penal crime de homofobia, o procurador enquadrou o ato como crime de "discriminação ou preconceito de raça, cor, etnia, religião ou procedência"O procurador jogou todos os princípios do direito penal e dos verdadeiros Direitos Humanos no lixo. Onde está a lei anterior? Onde está a tipicidade ? Não existe crime de homofobia (o procurador adoraria que existisse), Feliciano não praticou nenhuma das condutas descritas no tipo penal em questão (que o procurador maluco espumando por não haver crime de homofobia tenta enquadrá-lo), por não poder condená-lo, visto que a conduta dele nem é descrita como crime, o sujeito parte para o absurdo usando "analogia in malam partem", algo proibido no direito penal. E ainda tem debiloides que ainda enxergam a militância gayzista como vítima, eles são ditadores, autoritários, egocêntricos e totalmente sem escrúpulos, é a militância mais perigosa que existe no planeta atualmente, enquanto a esquerda daqui os festeja nem mesmo os mais estritos ditadores soviéticos ou a ditadura cubana se descuidaram da verdadeira ameaça a humanidade que é o gayzismo, no país deles eles não toleraram.

  3. Irmão Julio, você está certíssimo! O que será de nós servos do Senhor se esta ação contra o pastor Marco vigorá? Certamente uma boa parte dos evangélicos no Brasil será da mesma forma condenada por ser boca de Deus na terra. Mas há poder no nome de Jesus. Ele é nosso bom Pastor, e somos Sua Igreja. As portas do inferno não prevalecerão contra nós. Paz!

  4. Foi o perverso Nero que incendiou Roma e culpou aos Cristãos, certo? Nero estava encobrindo as barbaridades que ele tinha cometido fazendo dos Cristãos um bode expiatório.A história parece repetir-se, né?

  5. Diante de tudo que está acontecendo (e do que ainda vai acontecer), daqui pra frente será como Jesus disse na Sua Palavra:"Quem é injusto, faça injustiça ainda; e quem está sujo, que se suje ainda mais; e quem for justo, procure se manter justo; e quem é santo, continue a se santificar" (Apocalipse 22:11)São as profecias bíblicas se cumprindo a cada dia que passa (para confirmar que a Palavra de Deus é 100% verdadeira)!

  6. Muito feliz a lembrança feita pelo pastor Marco Feliciano das palavras de Cristo: "Eu, porém, vos digo: não resistais ao perverso; mas, a qualquer que te ferir na face direita, volta-lhe também a outra" Mateus 5.39Precisamos ser sal e luz nesse mundo e seguir o exemplo de Cristo, "pois ele, quando ultrajado, não revidava com ultraje; quando maltratado, não fazia ameaças, mas entregava-se àquele que julga retamente" 1Pedro 2.23Abraços

  7. Julio,Gostaria de pedir que continuasse cada vez mais denunciando as imoralidades de toda a esquerda, do PT, de Lula, de Dilma, de toda essa corja que se alinha com eles na sua obcecada busca por poderes ilimitados e dinheiro avultado por meio de seus excelentes artigos.Temos a liberdade de expressão e de acesso à informação garantida por lei. Use-a em favor não só do povo de Deus, mas das pessoas de bem desse país e daqueles que não se dobraram diante desse Baal. Precisamos nos conscientizar de que essa ofensa não deve passar despercebida e esquecida. Marco Feliciano pode usar muito bem seu poder de persuasão para incitar os evangélicos e as pessoas que o apoiam a não votarem mais em qualquer legenda partidária tarada por ideologias assassinas como o marxismo, o socialismo e o comunismo.Enquanto o povo discute entre si por causa de questões tolas, os malfeitores do PT abarrotam-se de poder, dinheiro sujo e fazem o que bem entendem, solapando a democracia e ficando por cima da carne seca diante dessas questões.Muitos já pararam com os protestos e o ódio irracional contra Feliciano, que os calou dizendo que só deixaria a comissão se Genoino e Cunha também deixassem as suas. E eles só fariam isso se tivessem algo melhor a ganhar em troca, como estão condenados pela justiça humana e não a têm ainda, ficam na CCJ…Denuncie cada vez mais, Julio, e não tema o ódio mesmo dos que se dizem irmãos, que se prostituíram na cama de corrupção e mentiras do PT. Um abraço!Mario Sergio.

  8. Olá Júlio; É um apoio de peso, mas não sei se você sabe, essa convenção também serve para eleger a nova presidência e um dos candidatos é o Pastor Samuel Câmara que é irmão biológico do Pastor Jonatas Câmara, o mesmo que apoiou nas eleições passada a candidata Vanessa Graziorin (PCdoB) para prefeitura de Manaus, será que a esquerda está tentando ocupar a liderança da CGADB?

  9. ""O procurador jogou todos os princípios do direito penal e dos verdadeiros Direitos Humanos no lixo. Onde está a lei anterior? Onde está a tipicidade ? Não existe crime de homofobia (o procurador adoraria que existisse), Feliciano não praticou nenhuma das condutas descritas no tipo penal em questão (que o procurador maluco espumando por não haver crime de homofobia tenta enquadrá-lo), por não poder condená-lo, visto que a conduta dele nem é descrita como crime, o sujeito parte para o absurdo usando "analogia in malam partem", algo proibido no direito penal. E ainda tem debiloides que ainda enxergam a militância gayzista como vítima, eles são ditadores, autoritários, egocêntricos e totalmente sem escrúpulos, é a militância mais perigosa que existe no planeta atualmente, enquanto a esquerda daqui os festeja nem mesmo os mais estritos ditadores soviéticos ou a ditadura cubana se descuidaram da verdadeira ameaça a humanidade que é o gayzismo, no país deles eles não toleraram.""O promotor do rei está a praticar o que se chama de analogia penal em malam partem. Algo em direito penal simplesmente inconcebível.O promotor do rei é um homem que jamais recebeu em toda a sua vida um único voto sequer de nenhum popular para ocupar o cargo que ocupa. As leis são feitas pelos representantes do povo seguindo o devido processo legal, e apenas por estes.Mas na prática, em razão de no Brasil leis a interpretação ampliativa da lei penal já estarem a ser praticada faz tempo quanto em benefício de gays, o promotor do rei sente as suas costas suficientemente quentes para praticar tal crime, para ampliar a lei penal, criando novos tipos penais, ou promovendo interpretações ampliativas desta em desfavor de um suposto "acusado".Eu vou dar apenas um simples exemplo do que o promotor do rei acabou de fazer. Ele acabou de jogar no lixo a legitimidade do poder do Estado. Ora, se a lei é algo que em verdade não serve para nada, se tudo o que vale é apenas o poder do Estado em fazer o que quiser, em criar crimes sem leis, o promotor do rei então acabou de rasgar a carta assinada por João Sem Terra, rei da Inglaterra, com os barões, o documento que marca o nascimento do princípio da legalidade.Ora, se a legitimidade do Estado não se encontra na lei mas sim na força, então qualquer força é tão legitima quanto a do Estado, porque força pela força todas são iguais e tem o mesmo valor.O Estado portanto, a partir de agora não tem mais o direito de condenar ninguém por crime algum, porque nenhuma lei tem mais qualquer valor entrinseco em si mesma. Os presidiários deste país inteiro tem todo o direito de exigirem a sua liberdade imediata, posto que independentemente do que tenham feito, não é mais a lei que os mantem presos, mas apenas força, não existem mais legitimidade de lei alguma, porque qualquer lei que o seja, pode ser querbrada ao alvedrio, pela vontade do Estado.O Estado ruiu.Não se trata mais de uma questão de Bíblia, mas de lógica pura e juridica. Eu não sou cristão, sou pagão romano e ibérico, acho que este blog por vezes enche a paciência com este papo religioso, mas a questão aqui é algo que vai muito além de uma religião A ou B. Diz respeito ao poder intervencionista do Estado, que com os gays tem se ampliado cada vez mais.Promotor do Rei maldito, cite o artigo sobre o qual o deputado está sendo denunciado, cite o artigo ou cale-se para sempre! Ou enfrente as consequências, porque este poder gay é liberal não durará para sempre, e eu me lembrarei de seu nome e do seu nome de família, que seus filhos carregaram.Cadê o artigo promotor do rei? Cadê?E depois é este orgão inútil que quer que nos marchemos por ele contra PEC 37? Estrepem-se vermes marxistas culturais!O princípio da legalidade que o promotor do rei afronta agora estabelece até mesmo que um acusado tem o direito de saber o artigo sobre o qual esta sendo denunciado, em razão do direito ao contraditório. E o principio da taxatividade estabelece que a tipicidade penal deve ser taxativa.

  10. Se fala tanto em "liberdade de expressão" neste país mas ela já se tornou apenas uma mera expressão retórica que, de verdade, só pode ser reivindicada por ativistas homossexuais, nunca por religiosos. Na prática, só homossexuais estão tendo direito de se expressar com liberdade, os demais cidadãos brasileiros que discordem de suas práticas e de sua agenda já não podem ter o mesmo direito.Um conluio claro da mídia, de políticos, establishment acadêmico, parcela do judiciário e da classe auto-intitulada "artística" pretende cassar a liberdade de expressão dos contrários.

  11. Perdemos muito tempo, muito tempo. Demoramos muito para demonstrar insatisfação com o que estavam/estão fazendo com o nosso país. Afinal, se somos servos do Senhor, devemos ter a mente de Cristo. Mas, qual?, parcela expressiva dos evangélicos, contrariando/esquecendo/desconhecendo a Palavra, que chama “maldito a quem confia no homem”, seguiu lobos para o matadouro, acreditando que estavam se portando como pastores. Ora, qual ser-humano pode mandar na mente de outro? Ainda mais, direcionando ao suicídio. Foi o que fizeram as lideranças evangélicas, ao colocarem, em 2002, seu aval numa infame lista de um documento mais infame ainda, num documento maldito chamado “MANIFESTO DOS EVANGÉLICOS” se comprometendo a direcionar o rebanho (de gado bovino) ao redil do ímpio-mor conhecido como Luiz Ignácio (lulla – sic) da Silva. O resultado, desde então, tem sido choro e ranger de dentes. O irmão Júlio já alertou, vezes sem conta, que a sigla MEP (MOVIMENTO EVANGÉLICO “PROGRESSITA”, termo esse que é uma variação safada para comunista) se transformou em EPJ (EVANGÉLICOS PELA “JUSTIÇA”). Cuidado. Satanás é esperto. Na verdade, com um povo tão leviano como é o nosso caso – brasileiros – ele nem precisa ser muito esperto. Acreditamos em qualquer coisa, ainda mais se aparecer na imprensa. Sem discernimento, pensamos que é Deus falando. Não sei se o fim chegou. Na verdade, às vezes penso que passamos dele. Mas, em qualquer época é possível criarmos vergonha e pedirmos perdão a Deus. Ele garante – e eu creio – sarará a terra do povo que assim proceder. Evangélicos, fujam de bandeiras em que constem termos como “progressista”, “inclusão”, “justiça social”, “sustentabilidade”, entre outros, pois são termos usados pela serpente para parecer que vieram da luz, quando vieram, na verdade, daquele que se apresenta (não sendo) como anjo de luz. Leiam Eclesiastes, capítulo 10, versículo 2: “O coração do sábio está a sua mão direita, mas, o coração do tolo está a sua mão esquerda”. Precisa mais para saber que “esquerda” política é, no mínimo, coisa de tolos?

  12. Respondendo ao Antônio,No episódio da tentação no deserto, o diabo, ousadamente, ofereceu todos os reinos do mundo (e suas riquezas) a Jesus, dizendo: "Tudo isto eu Te darei, se, prostrado, me adorares" (Mateus 4:9). Mas Jesus rebateu com firmeza a todas as investidas do diabo ao dizer: "Vai-te, Satanás, porque está escrito: Ao Senhor teu Deus adorarás, e somente a Ele servirás" (Mateus 4:10)O que esse episódio bíblico tem a ver com o fato de muitos que se dizem cristãos estarem votando no PT (e também em outros partidos com a mesma agenda política)?Tudo a ver!Vejamos:O Estado marxista–comunista–esquerdista–socialista (aqui representado pelo governo corrupto do PT) age igual ao diabo quando propõe ao povo: "Tudo isto (saúde, moradia, educação, empregos, segurança, e outros benefícios) eu te darei se você eleger os meus representantes (do PT e de outros partidos com a mesma agenda política) e deixar que, através deles, somente eu (e não Deus) satisfaça todas as suas necessidades"Considerando que o povo que não tem conscientização política vota mais com a barriga do que com a cabeça, a maioria não resiste a essa tentação (principalmente quando o Bolsa–Família ou outro assistencialismo eleitoreiro é oferecido)!A mesma coisa acontece quando esse mesmo Estado diz aos políticos da bancada evangélica: "Tudo isto (cargos com altos salários, concessões de emissoras de rádio e canais de televisão, e mil e uma mordomias) eu te darei se você permitir que eu aprove as minhas políticas (a favor do aborto, do homossexualismo, da perseguição aos cristãos, e da destruição das famílias) e não faça (e nem diga) nada contra o meu governo"Considerando que muitos desses mesmos políticos estão se vendendo (ou sendo facilmente influenciados) por qualquer coisa, a maioria aceita sem questionar (ainda mais quando vê muito dinheiro à sua frente)!Será que eu estou certo? Gostaria de saber as opiniões de todos daqui.

  13. Nós não estamos impondo nada da porta da igreja para fora. Creio que o meu direito, de pôr ordem em minha própria casa, não é de jeito nenhum preconceito. Assim se combateria um abuso através de abuso, no caso deles.

  14. Olha irmão Julio, na boa, eu acho muito bom mesmo tudo isso está acontecendo nesse Pais, pois assim esse pessoal que se diz Cristão ( seguidor de Cristo ) crie vergonha na cara e nunca mais vote no partido que está por detrás de toda essa imundícia ( aborto,agenda gay, etc…)que sempre foi o PT ( ptralhas), tomara que esses cristãos deixem de ser imbecis e manipulados pelos esquerdistas de plantão ( Caio Fabio, Genizah , e etc…).

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s