Lésbica renuncia ao pastorado para protestar contra “homofobia” na Igreja Luterana da Noruega

Lésbica renuncia ao pastorado para protestar contra “homofobia” na Igreja Luterana da Noruega

Julio Severo
Na Noruega, Hilde Raastad, a primeira pastora a “casar” no civil com outra mulher, diz que está abandonando o pastorado em protesto contra a alegada discriminação que gays e lésbicas enfrentam na Igreja Luterana.
Hilde Raastad

“Ficou insustentável para mim representar uma Igreja que ainda pratica a exclusão,” afirmou a ex-pastora em entrevista ao jornal Aftenposten.

Na Noruega, a Igreja Luterana aceita a ordenação de pastores homossexuais e “casamento” homossexual. O que Hilde considera intolerável é que mesmo com toda essa liberdade, bispos luteranos ainda tenham o direito de recusar, em suas dioceses, nomear pastores gays e pastoras lésbicas.
De acordo com as queixas dela, em várias ocasiões lhe negaram um cargo quando ela era a única candidata. Por causa disso, ela confrontou o bispo de Oslo renunciando ao pastorado enquanto a Igreja Luterana da Noruega não decidir obrigar as dioceses a aceitar pastores homossexuais.
Pastoras luteranas lésbicas

Ela argumentou que, pelas leis, seria crime uma igreja rejeitar um pastor negro ou de outra raça, de modo que ela reivindica igualdade. Na opinião dela, as igrejas locais não deveriam ter o poder de decidir a posse de um pastor homossexual, gerando novos desafios para as congregações, que deveriam prestar contas, até mesmo ao Estado, se não aceitarem a nomeação de um pastor envolvido em práticas homossexuais.

Hilde Raastad tem sido há anos membro ativo do Fórum Europeu de Grupos Cristãos Gays, Bissexuais e Transgêneros, cuja missão é trabalhar dentro das igrejas cristãs da Europa e usá-las como instrumentos para avançar a agenda gay.
Na conferência homossexual EuroPride de Roma em 2011, Hilde foi uma das preletoras. Na sua palestra “Fé e Homossexualidade,” ela disse:
“Sou lésbica e sou também cristã. E acredito que minha capacidade de amar, minha capacidade de encontrar paixão nos braços de outra mulher, é um dom de Deus para mim.”
Com informações do site homossexual A Capa, Fórum Europeu de Grupos Cristãos Gays, Bissexuais e Trangêneros e Views and News from Norway
Leitura recomendada:

10 comentários sobre “Lésbica renuncia ao pastorado para protestar contra “homofobia” na Igreja Luterana da Noruega

  1. É triste ver, como um luterano, o estado do luteranismo no mundo afora, e talvez também no Brasil, e perceber que os luteranos estão esquecendo-se dos preceitos de Cristo e do Sola Gracia, Sola Scriptura et Sola Fide inaugurados por Lutero a 496 anos atrás.

  2. Eu admiro a coragem, a determinação de pessoas como essa mulher, tem fibra, tem determinação, ousadia em desafiar as claras ordenanças de Deus quando esse não autoriza e nem permite que mulher seja pastor .Pessoas como essa senhora , acham que podem desafiar , coma sua coragem, a Deus e suas ordenanças sem pagar um alto preço depois dessa rebeldia.O Resultado esta ai na vida dessa mulher e de todos aqueles que apoiam e acham que lésbicas e gays podem ser , sem pagar o preço das suas atitudes, desafiar a Deus e suas ordenanças.Espirito de confusão e morte para os que acham que podem desafiar a Deus e suas ordenanças.O mesmo aguarda os ditos cristãos – esquerdistas e comunistas que apoiam o aborto, casamento gay e outras mazelas do inferno.Pastor Caleb.

  3. Isso já chegou no Brasil, mas os militantes esquerdistas ainda não têm coragem de impôr essa obrigatoriedade com maior veemência, já que a sociedade brasileira é muito mais conservadora do que liberal.Ela largou o "pastorado"? largou a Igreja Luterana? melhor, o mundo e a Igreja saíram ganhando.É assim que começa a ditadura: Comparando homossexualismo com racismo, falando em direitos, e quando a população se dá conta, já inventaram leis que obrigam a sociedade a gostar do pecado.

  4. Demorou para ir embora, uma invertida a menos bancando pastora para confundir os fiéis em relação ao cristianismo, que aliás é bem claro em relação à prática homossexual. Falta por aqui Lanna Holder et caterva seguirem o exemplo da invertida norueguesa, enfiarem a violinha no saco e irem fazer outra coisa da vida.

  5. Esperar o que de apóstata? A diferença entre um apóstata e um cristão caído é abissal, pois o cristão caído esta com vergonha do seu pecado ao ponto de até fugir da misericórdia de Deus, mas o apóstata é o oposto, ele se orgulha do pecado por ele cometido e passa a incluir os outros e até Deus nos seus pecados; Outra característica do apóstata é trazer a psicologia para interpretar os textos bíblicos e para isso abusam do que eles chamam de “amor”, tirando do contexto divino de amor, pois o (ágape) amor divino é para com o pecador, o sentimento de Deus para com o pecado é outro: É abominação e repugnância, mas os apóstatas “amam” tanto que em certas horas fica difícil distinguir se estão amando mais o pecador ou o pecado, pois “amam” tanto que não condenam mais o pecado.Mas desmascarar um apóstata é fácil, pois toda tolerância que eles têm pelo pecado, eles tem com a mesma intensidade de intolerância para com a igreja e os homens de Deus que estão em evidencia e passam a critica-los e tentam de toda maneira desautoriza-los; Temos no Brasil o exemplo do líder dos cristãos progressistas que em vez de se arrepender do pecado praticado por ele, passou a atacar líderes cristãos que pregam o evangelho e os pentecostais e neopentecostais. Oremos para que esses apóstatas, que na verdade são marxistas infiltrados na igreja de Cristo se convertam e possam parar de perseguir os que pregam o evangelho do Reino em tempo e fora de tempo, pois julga-los só o Senhor Jesus pode.

  6. Imagino essa "senhora" pastoreando uma igreja, seria mais ou menos assim?:"Queridos irmãos… Aconselho a todos que leiam com fervor a Bíblia, mas podem pular GÊNESIS I.27 e CORÍNTIOS 6. 9".Qual a opinião dessas lésbicas, em respeito aos gays que caimam Bíblias, em suas festas satânicas ( parada gay )?

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s