Ativistas protestam e agridem Pr. Marco Feliciano na Comissão de Direitos Humanos

Ativistas protestam e agridem Pr. Marco Feliciano na Comissão de Direitos Humanos

Dan Martins
Nessa quarta feira (06), a sessão na Câmara dos Deputados que elegeria o deputado Pastor Marco Feliciano (PSC-SP) para o comando da Comissão de Direitos Humanos teve que ser adiada devido a uma série de protestos contra o parlamentar evangélico.
Dep. Marcos Feliciano

Liderados por militantes dos direitos dos gays, os protestos tumultuaram a eleição e obrigaram o presidente da Câmara, deputado Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN), a convocar uma nova sessão para esta quinta-feira (07).

– Os parlamentares que forem contrários podem se ausentar ou votar contra, mas não realizar o que foi realizado. A democracia exige ordem. É uma indicação que tem que ser respeitada. Assim, nós faremos amanhã [quinta], às 9h, reunião para eleger o presidente da comissão. – afirmou Alves.
Em seu Twitter, Feliciano comentou sobre o caso, e ressaltou ter sido agredido pelos militantes que se opõem à indicação de seu nome à presidência da pasta.
– Sessão interrompida após tumulto do ativismo gay. Com lágrimas nos olhos Dep. Marco Feliciano é escoltado por seguranças e quase agredido por ativistas, após sessão ser cancelada – publicou a assessoria de imprensa do deputado.
O tumulto gerado pelos militantes levou a bancada evangélica da Câmara a pedir que a segurança ao parlamentar fosse reforçada nessa quinta feira. André Moura pediu que a nova reunião fosse restrita a parlamentares e assessores, sem o acesso do público. Segundo o líder da bancada evangélica, deputado João Campos (PSDB-GO), isso é necessário para que a escolha seja feita “sem a torcida de um lado ou de outro”.
Segundo o estudante de jornalismo Fellype Sales, que estava presente no local, “a polícia da câmara teve que entrar em cena e imobilizar um dos manifestantes que iniciou a agressão física contra a segurança do pastor”.
– Que tipo de movimentos sociais são estes que defendem as minorias (qualquer que sejam) e por um instante se sentem como Deus, sentados em um trono podendo agredir de forma tão bruta outro ser humano?! – questionou Sales.
Apesar dos protestos, o líder do PSC afirmou que a candidatura de Feliciano não será retirada para atender aos apelos dos militantes ligados à bandeira de direitos humanos.
-Está mantida a candidatura do deputado Marco Feliciano. É uma decisão da bancada, do partido. Ele é de nossa inteira confiança. Ele está sendo julgado de forma antecipada. O fato de ele defender determinadas bandeiras não significa que ele, como presidente da comissão, vá trabalhar de forma tendenciosa – enfatizou.
Em resposta ao protesto, o PSC divulgou uma nota em sua página no Facebook afirmando que seus parlamentares “não vão ceder à pressão de alguns ativistas extremados que querem impedir um ato democrático” e que, portanto, manterá a indicação do pastor à Comissão.
Fonte: Gospel+
Divulgação: www.juliosevero.com
Leitura recomendada:

PayPal coloca Julio Severo na lista negra

10 comentários sobre “Ativistas protestam e agridem Pr. Marco Feliciano na Comissão de Direitos Humanos

  1. A coisa está piorando no Brasil. Os ativistas gays (Wyllys, Toni Reis e companhia) estão se mostrando a cada dia mais furiosos, agressivos, violentos e autoritários (eles chamam tudo isso de "tolerância", "direitos"). Imaginem vocês o que será se o PL 122 for aprovado, como quer o PT.

  2. Eis aí a verdadeira face dos ativistas homossexuais: na frente das câmeras, posam de vítimas, coitadinhos, inofensivos e santinhos; nos bastidores, porém, mostram o que realmente são: violentos, baderneiros, anarquistas e agressivos (e que não aceitam que ninguém discorde de suas idéias). E eles ainda têm a cara de pau de dizer que nós (evangélicos) é que somos intolerantes! E isso a mídia "oficial" (Rede Globo) NUNCA mostra!Como bem disse o João Braga no comentário dele (e que eu concordo plenamente), imaginem o que será se o PLC 122 for aprovado (como quer o PT)!Está na hora de tomarmos uma posição firme e forte contra as investidas dos homossexuais. Ou agimos agora, ou depois poderá ser tarde demais (depois, não vai ter desculpa de falta de aviso)!"PARA QUE O MAL VENÇA, BASTA QUE OS HOMENS DE BEM NÃO FAÇAM NADA"

  3. Eis aqui (na íntegra) o que disse o deputado Jean Wyllys ao saber da escolha de Marcos Feliciano para a presidência da CDH:"Graças ao jogo de interesses entre os partidos da base aliada, é quase certo que o pastor e deputado Marco Feliciano presidirá a Comissão de Direitos Humanos e Minorias da Câmara dos Deputados.Esse fato não é escandaloso – e eu não me oponho a ele – pelo simples fato de ele ser pastor. Se o deputado Marco Feliciano fosse um pastor identificado com a garantia dos direitos humanos e da dignidade das minorias estigmatizadas, não haveria problema algum e eu não faria qualquer oposição.Acontece que o deputado Marco Feliciano é um inimigo público e declarado de minorias estigmatizadas e tem um discurso público que estimula a violação da dignidade humana desses grupos.Como pode presidir uma comissão de direitos humanos e minorias um deputado que disse que o problema da África negra é "espiritual" porque "os africanos descendem de um ancestral amaldiçoado por Noé", revivendo uma interpretação distorcida e racista da Bíblia, que já foi usada no passado para justificar a escravidão dos negros?Como pode presidir uma comissão de direitos humanos e minorias um deputado que se referiu à Aids como "o câncer gay"? Um deputado que defende um projeto de lei para obrigar o Conselho Federal de Psicologia a aceitar supostas "terapias de reversão da homossexualidade" anticientíficas e baseadas em preconceitos.Um deputado que quer criminalizar o povo de terreiro e enviar pais e mães de santo à cadeia por rituais religiosos que estão presentes nos mesmos capítulos da Bíblia que ele usa para injuriar os homossexuais? Ele lê a Bíblia com um olho só. Um deputado que apresentou um projeto para anular diversas (boas) decisões do Supremo Tribunal Federal, entre elas a sentença que reconhece as uniões homoafetivas como entidades familiares.Na verdade, para ser justo, o acordo realizado para dar a presidência da CDHM ao PSC, com ou sem Marco Feliciano, já era um grave problema. Trata-se de um partido que fez campanha definindo a família de uma maneira que exclui não só gays e lésbicas, como também as famílias monoparentais, as com filhos adotivos e tantas outras. Trata-se de um partido que defende posições fundamentalistas que vão contra os direitos de muitas das minorias que essa comissão deve proteger.Eu me formei num cristianismo que acolhe os diferentes, respeitando sua dignidade. Eu me apaixonei na juventude por esse cristianismo que deu origem à Teologia da Libertação, que participou da luta contra a ditadura e que nos deu grandes referências.O PSC, lamentavelmente, não tem nada a ver com isso. E Marco Feliciano menos ainda! Que ele seja o novo presidente da comissão é uma contradição: é como colocar à frente das políticas contra a violência de gênero um cara que bate na mulher.É isso que milhares de brasileiras e brasileiros estão sentido nesse momento: que a Câmara bateu neles. Em nós – confesso que eu também senti. Às vezes, me pergunto o que estou fazendo aqui. Mas depois vejo a mobilização de milhares de pessoas para impedir essa loucura e penso: é isso que estou fazendo, tentando representar aqueles que, como eu, sempre receberam mais insultos e porradas que direitos e estima! Saibam que não estão sozinhos! Luta que segue!"(JEAN WYLLYS, 38, é deputado federal pelo PSOL-RJ)Precisa dizer mais alguma coisa depois disso?

  4. E A REDE GLOBO SEMPRE BOTANDO LENHA NA FOGUEIRA. ELES JAMAIS CITAM O QUE O PASTOR DISSE SOBRE OS NEGROS,(MAS ALGUNS QUE CITAM TIRAM FORA DO CONTEXTO)E FALA QUE ELE É FAMOSO POR SUAS DECLARAÇÕES RACISTAS E HOMOFÓBICAS. É MAIS QUE EVIDENTE QUE A GLOBO, FINGINDO INFORMAR A POPULAÇÃO DESSE JEITO SOMENTE DESPERTARÁ A IRA DELA CONTRA CRISTÃOS.

  5. Quanto ao que o anônimo disse sobre a Globo ter a sua ira contra os cristãos, isso nem chega a ser novidade.Como diria Sherlock Holmes, "elementar, meu caro Watson!" (eu diria: "elementar, meu caro anônimo"). Acreditar que a Globo vai se manter imparcial (ainda mais se for sobre o homossexualismo) é o mesmo que acreditar que o diabo virou cristão!Graças a Deus que eu nunca assisti (e jamais assistirei) ao lixo que a Globo mostra na sua programação. Faço como disse o salmista:"Não porei coisa má perante os meus olhos" (Salmo 101:3)Apesar da Globo ser a emissora "oficial" do governo do PT e dos homossexuais, ninguém pense que as outras (Record, Band, SBT) são algum modelo de santidade. Querem ver um exemplo? A Record. E quem é o dono da Record? Ninguém mais ninguém menos do que Edir Macedo, o poderoso chefão pró–aborto da Igreja Universal do Reino de Deus (aqui pra nós: até hoje, a compra da Record pela Universal é uma história que, a meu ver, ainda está muito mal contada). A programação da Record e da Globo são rigorosamente iguais (não muda nada)!Graças a Deus que este blog do nosso amado irmão Júlio Severo tem sido um canal abençoado para nos manter sempre informados (e mostrar tudo o que a mídia corrupta nunca mostra)!

  6. Foi uma cena deplorável…O pior -para mim- é que alguns cristãos fingem que a coisa não lhes diz respeito: nada comentam, nada sabem. Não sabem que calando aqueles que se mostram mais na linha de frente fica mais fácil calar o resto.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s