Ajudem Portas Abertas do Brasil

Ajudem Portas Abertas do Brasil

Rafael Resende Stival
Algo de nefasto está acontecendo à Missão Portas Abertas Brasil nestes dias. Após o adeus amargurado do então secretário-geral, Carlos Alfredo de Sousa, quem escreveu uma mensagem de véspera de Natal, destaque no site dessa querida organização foi o pastor progressista Ariovaldo Ramos. Não há nada de pernicioso nesse artigo; só um falso enunciado dizendo que o artigo é sobre a igreja perseguida, mas mais parece um devocional chinfrim. No site há outro artigo dele de 2009, falando sobre o caráter “geocida” do pecado, o que me recende a neologismo ecolouco. Mas o que há de mais grave sobre este senhor não é o que ele está escrevendo ali, e sim seu passado que ainda não passou.
Quem ajudará Portas Abertas?

Um artigo de 2010 do jornalista Edson Camargo dá-nos um panorama daquilo e daqueles que ele preza. Caio Fábio, Ed René Kivitz e Robinson Cavalcanti são seus amigos de missão integral. Quando da brutal morte deste último, ele o chamou de “representante maior do Evangelho de Cristo, na América Latina”. Ele deu encorajamento ao MST, que prega a revolução comunista no Brasil e recebe treinamento das FARC, na comemoração dos seus 25 anos. Hugo Chávez é-lhe um estadista exemplar. Este facínora dá abrigo e armas às FARC e ao ELN, que o transformaram em sócio do narcotráfico latino-americano, como pode ser comprovado aqui, aqui, aqui e aqui (é muita maldade mesmo). FARC e ELN são quem fazem da Colômbia um dos 50 países que mais perseguem os cristãos. Veja duas reportagens, uma de 2009, onde consta que 132 igrejas haviam sido fechadas pelas FARC desde 2004 até então, e outra deste ano sobre o mesmo assunto, ambas usando informações da Missão Portas Abertas, e entenda como esses grupos terroristas tratam os cristãos.

Tudo indica que, para Ariovaldo, o PT pode apoiar o aborto, usar dinheiro público para fazer paradas gays, associar-se ao narcotráfico, tentar comprar o congresso, enviar dinheiro público ao Hamas, mas nunca, jamais, poderia ter perdoado o Sarney.
Além disso, a filial brasileira da World Vision é presidida por ele. O trabalho da organização segue todos os padrões da caridade globalista, inclusive o recebimento de dinheiro e apoio sujos. A Bill and Melinda Gates Foundation e a Rockefeller Foundation — potentados econômicos ao mesmo tempo “caridosos” e apoiadores do abortismo, gayzismo, feminismo etc. — estão entre os que lhes enviam dinheiro. Inclua aí o UNICEF e até a Feminist Majority Foundation. No Brasil, a Visão Mundial ainda recebe apoio da cafeteria do senador esquerdopata Eduardo Suplicy. Essa organização é mais um galho (ou tronco) da árvore podre da missão integral denunciada pelo Pr. Gustavo Abadie.
Duvido muito que a Open Doors international fosse capaz de transgredir as leis que impedem a propagação do evangelho nas nações perseguidoras se tivesse como “protetoras” as mesmas organizações da Visão Mundial. O Irmão André arriscava a própria vida e recebia clara ajuda divina para entregar Bíblias aos cristãos além da cortina comunista de ferro em seu fusca. Ariovaldo viaja de avião com os confortos providos pelos ricaços do tal capitalismo selvagem para entregar uma “epístola” não de admoestação, mas de apoio ao tiranete comunista. Um chefia hoje o maior esquema de contrabando de Bíblias, que é a própria Portas Abertas, o outro louva um chefe do maior esquema de contrabando de drogas.
Se a Portas Abertas Brasil, segundo as palavras do mesmo Carlos Alfredo de Sousa, afirma que “não nos colocamos como defensores ou opositores de nenhum sistema político, nossa razão de ser passa longe disso”, porque então convidar para escrever uma mensagem de destaque um igrejeiro progressista tão politicamente engajado? O Julio Severo, por exemplo, é um dos poucos representantes da igreja perseguida brasileira e tem muito a ensinar ao público — que é também patrocinador — da Missão Portas Abertas. Por que ele não é convidado a escrever-lhes um artigo? Certamente por conta de seu anticomunismo inflexível. Mesmo que confundam apolitismo com a ausência de engajamento político, o que no Brasil é normal e perdoável, há aí, sem dúvidas, dois pesos e duas medidas. Jamais veremos no site da Open Doors USA uma mensagem de um radical esquerdista como Jeremiah Wright, de um Louis Farrakhan ou de um Jesse Jackson, mas na República da Banânia tudo é possível àquele que perverte.
Pouco sabemos sobre o tipo de problema que está acontecendo com os decisores da Portas Abertas Brasil, como no caso do ex-secretário geral que publicou um texto elogioso à revolução marxista armada no site da PA, mas creio que o que há de ser revelado será em breve.
Contudo, sabemos que se ficarmos parados ante a invasão desses igrejeiros vendilhões a instituições tão importantes como esta, as igrejas brasileiras apodrecerão e se venderão rapidamente, como ocorreu na União Soviética e na Alemanha Nazista e está ocorrendo hoje na Europa e EUA.
Conclamo os leitores para que, como eu, visitem o site e protestem contra a presença ou a influência desse senhor na mais capacitada instituição de auxílio à igreja que sofre. Eis o que eu escrevi nos comentários à mensagem:
Por mais bela que fosse a mensagem de Ariovaldo Ramos, ele jamais deveria escrever no site desta organização. Ele prestou seu apoio, digamos, presencial a Hugo Chávez e ao MST. Estes dão e recebem auxílio das FARC, que por sua vez são responsáveis por colocar a Colômbia entre os 50 países onde os cristãos são mais perseguidos. Há anos as FARC vêm explodindo igrejas e fazendo viúvas de pastores que ousam pregar o evangelho em seus domínios. Ademais, Hugo Chávez não só apoia, mas declarou que deseja unificar Cuba — 41 país mais perseguidor de cristãos — e seu país, a Venezuela.
Fica difícil saber se a Missão Portas Abertas e o autor da mensagem estão ao lado dos algozes ou das vítimas e fica difícil contribuir, seja materialmente ou espiritualmente, com a organização se esta não se mostra consciente dos perigos que a ameaçam desde dentro.
Leitura recomendada:

6 comentários sobre “Ajudem Portas Abertas do Brasil

  1. O Sr. Ariosvaldo Ramos fez parte do governo comunista do PTralhas, no Governo Lula, na secretaria contra a fome, em Brasilia, tal o compromisso desse senhor no reino das trevas.Ariosvaldo Ramos foi traido pela esposa e com certeza precisa liberar perdao frente a algo que o esta consumindo a tal ponto de seu sub conciente estar voltado contra a Igreja e suas instituicoes.Pois como e possivel um camarada se dizer Pastor e apoiar, infiltrar e participar de um sistema que por decadas assassinou milhares de pastores, lideres e cristaos na antiga Uniao Sovietica, sistema esse tal glorificado e louvado pelo partido comunista do PTralhas?A lideranca de portas abertas precisa saber o que esta ocorrendo em terras tupiniquins quando coloca Lobos entre as Ovelhas do Bom Pastor.Parabens Julio Severo por mais um artigo esclarecedor , desmascarando assim os comunistas disfarcados de Cristaos evangelicos, pois esses, com certeza, nunca foram cristaos .Pastor Caleb.

  2. Irmão Julio, graça e paz!Entrei no site do portasabertas, pois sou mantenedor há anos dessa missão e, não localizei nenhuma msg do Ariovaldo Ramos. Tem como enviar o link para que os seus leitores possam conferir.Em tempo: seria de bom tom comprovar que o ex diretor da missão realmente tem algum filho matriculado em escola islâmica de SP.Infelizmente o meio cristão está cheio de teólogos e vazio de Deus!Um abraço sincero.Renato Baptista

  3. Prezado Renato, como mantenedor, você está numa posição privilegiada para cobrar de Portas Abertas, que removeu os artigos do Ariovaldo Ramos hoje. Se as denúncias aqui fossem vazias e erradas, Portas Abertas não veria necessidade de remover as mensagens. Mas acho que seria educado Portas Abertas explicar por que havia colocado as mensagens e por que as retirou agora. Por favor, se alguém puder, poste aqui os telefones e outros contatos de Portas Abertas, para que a pressão que estamos fazendo continue gerando resultados. Que não só os artigos do Ariovaldo Ramos, mas também outros problemas sejam removidos de Portas Abertas.

  4. Julio, a Missão Portas Abertas possui 22 bases de desenvolvimento, ao redor do mundo, incluindo a do Brasil. As bases dos EUA e Holanda são também os escritórios-sede da organização.Seria bom que as denúncias contra a MPA fossem publicadas em inglês e enviadas ao escritórios sedes da Open Doors, a fim de fazer com que eles saibam o que está ocorrendo aui no Brasil.É deplorável o que está ocorrendo.Endereços dos escritórios sedes:1) EUAOpen Doors USAPO Box 27001Santa Ana, CA 92799 Telefones: 949-752-6600 (telephone)888-5-BIBLE-5 (toll free)(888-524-2535)949-752-6442 (FAX)E-MAIL: usa@opendoors.org 2) HOLANDAOpen DoorsPostbus 473850 AA ErmeloE-MAIL: info@opendoors.nl

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s