Duplas lésbicas são agora “melhores” do que mães e pais?

Duplas lésbicas são agora “melhores” do que mães e pais?

Joseph Farah
Não demorará muito para que a revolução da perversão sexual receba muito mais aceitação.
Com Barack Obama firmemente estabelecido por mais quatro anos no governo americano e agora apoiando solidamente as pressões que querem impor o “casamento” homossexual, quero lhe dar um vislumbre do futuro.
Provavelmente, passou-lhe despercebido um acontecimento importante que foi anunciado no dia em que Obama foi eleito. Esse acontecimento foi o anúncio de que os “pais” homossexuais não são mais simplesmente tão bons quanto pais heterossexuais. Um estudo realizado por professores do Instituto Williams na Faculdade de Direito da Universidade da Califórnia em Los Angeles que seguiu o rastro de famílias de mesmo sexo por 26 revelou que esse é o caso.
O estudo, envolvendo 78 filhos de “pais” lésbicos revelou que todos os participantes estavam se saindo melhor na escola e estavam mais felizes com seus colegas. Eles também têm “mente mais aberta”, concluiu o estudo.
O único problema que qualquer participante encontrou, revelou o estudo, foi a tão chamada “homofobia” dentro de seu grupo social.
Com reportagens desse tipo, não demorará muito para as duplas homossexuais e lésbicas receberem preferência em processos de adoção em detrimento de casais no modelo tradicional de homem e mulher casados.
Aliás, se essa pesquisa for acurada e imparcial, o que não é, por que simplesmente não criar todas as crianças em lares lésbicos? Isso presumivelmente reduziria os índices de criminalidade, aumentaria o desempenho acadêmico e criaria a sociedade perfeita? Não?
Não.
Na verdade, o estudo é muito desonesto e tendencioso. É um crime que tenha sido autorizado e apoiado por uma universidade pública — onde no passado dei aulas de jornalismo.
Para começar, os participantes desse estudo usaram, como participantes clínicos, apenas duplas que permaneceram juntas por um mínimo de 28 anos. Como sabemos, a maioria dos casais heterossexuais e das duplas homossexuais não permanece unida por tanto tempo assim. De fato, apesar do horrendo índice de divórcio os casais heterossexuais e as duplas homossexuais e lésbicas tendem a não ter aproximadamente a mesma longevidade que os pais tradicionais.
Dupla gay com menino

Então há o problema dos padrões de medição. A vida consiste muito mais do que só desempenho acadêmico e “felicidade”. Será que os pais são inúteis? Será que os homens não contribuem nada de importante para a criação das crianças? Isso é exatamente o que esse estudo sugere.

Então há o grupo que conduziu o estudo. O que é o Instituto Williams? Em suas próprias palavras, é uma organização que faz “pesquisas independentes sobre leis e políticas públicas de orientação sexual e identidade de gênero”. Essa organização então espalha essa pesquisa para juízes, legisladores, elaboradores de políticas públicas, meios de comunicação e o público.
O Instituto Williams foi fundado em 2001 por um homem — Charles R. Williams. Quem é Williams? Ele é um empresário proeminente e bem-sucedido — e um ativista homossexual. Ele é membro da Comissão Consultiva Sociável da Fundação Gill. Ele “teve o reconhecimento de várias organizações e publicações LGBT. Em 2002, a Ordem dos Advogados Gays e Lésbicos o honrou com sua distinção de co-presidente, e a revista homossexual OUT o nomeou um de seus ‘100 mais importantes homossexuais fora do armário’ na edição de dezembro. Em outubro de 2003, o Centro Gay e Lésbico de Los Angeles o premiou com um cargo na sua junta diretora”.
Ele doou 2,5 milhões de dólares para lançar o instituto — a maior doação já dada a alguma instituição acadêmica em apoio de um programa acadêmico gay e lésbico em qualquer matéria de ensino. Desde então, ele deu ao instituto um total de 13 milhões de dólares.
É de admirar que esse estudo tenha produzido os resultados que seu fundador e o instituto estavam esperando achar?
Isso não é ciência. É política — pura e simplesmente.
E é desse jeito que a agenda homossexual está sendo promovida mediante os meios de comunicação, assembleias legislativas e tribunais. Esse é um exemplo da “ciência” fajuta por trás desse estudo.
Mas, marquem minhas palavras, estudos assim, independente de sua inutilidade e desonestidade, estão fazendo um impacto em nossa sociedade.
Não demorará muito e os tribunais e assembleias legislativas começarão a dar tratamento preferencial para homossexuais e lésbicas porque é um fato provado que eles são simplesmente pais melhores.
Você acha que algum esquerdista contestaria isso?
Você acha que Barack Obama contestaria isso?
Você acha que a esquerdista Assembleia Legislativa da Califórnia contestaria isso?
Você acha que algum jornalista fora do WND contestaria isso?
Essa é a decadência cada vez mais profunda em que se encontra a cultura dos EUA em 2012.
Traduzido por Julio Severo do artigo do WND: Lesbian parents now ‘better’ than moms, dads?
Leitura recomendada:

10 comentários sobre “Duplas lésbicas são agora “melhores” do que mães e pais?

  1. A cada vez mais a humanidade vai para o abismo da mentira, da falsidade e da escuridão. O reto e o ânus é um local altamente contaminado. Sexo anal é sodomia. Por que não informa que a relação homossexual diminui os anos de vida?

  2. Amigo Bruno Willian,Do jeito que a imoralidade e o pecado já contaminaram o mundo inteiro (e do jeito que o homossexualismo e a pedofilia estão sendo escancaradamente divulgados e incentivados), estamos inevitavelmente caminhando a passos largos para o mesmo destino final de Sodoma e Gomorra.Pode ser que eu esteja enganado (me corrija se eu estiver errado), mas, de acordo com as profecias da Palavra de Deus, o cálice da iniqüidade humana está ficando mais cheio a cada dia que passa. E vai chegar um momento em que esse mesmo cálice fatalmente vai transbordar. E quando isso acontecer, aí não vai ter mais jeito: a paciência de Deus vai chegar ao fim e Ele, inevitavelmente, vai entrar em ação para dar um basta na maldade humana!Neste mesmo dia, Jesus voltará. E desta vez Ele virá não mais como o frágil Cordeiro a ser oferecido em sacrifício pelos nossos pecados, mas agora como o Soberano Juiz para julgar a tudo e a todos!E uma coisa é certa: os homossexuais e pedófilos (e também os seus cúmplices) que não se arrependerem agora de suas nojeiras vão conhecer (e também sentir) todo o rigor da lei de Deus contra o pecado quando estiverem diante de Jesus!Será que esses homossexuais e pedófilos (e seus comparsas) querem ver para crer? Ou eles estão duvidando da justiça de Deus?Se, mesmo depois deste aviso, eles não quiserem se arrepender, então que eles mesmos encham o cálice da sua própria iniqüidade! Que bebam da ira do Senhor (e estejam prontos para sofrerem as conseqüências)!"Não erreis: Deus não Se deixa escarnecer; porque tudo o que o homem semear, isso ele também ceifará" (Gálatas 6:7)

  3. Uma pergunta vem em minha mente. Porque a agenda homossexual e o feminismo está atropelando tudo como um rolo compressor? Se não fosse o financiamento de grandes corporações que tiram vantagem da destruição da família essas 2 agendas não teriam futuro. Existem poderes ocultos por trás disso. Não é possível que a exclusão do homem heterossexual não seja algo intencional. Tanto na agenda feminista como na homossexual o homem hétero é rebaixado, por isso é que ambas se complementam. O objetivo é o rebaixamento do homem e para isso atacaram a família

  4. Sandro,Não sei se o que eu vou dizer aqui vai responder de forma 100% satisfatória à sua pergunta, mas eu vou dizer exatamente o que eu penso (você pode até me corrigir se, por acaso, eu estiver errado).A partir do momento em que uma nação despreza a obediência à Palavra de Deus e passa a confiar somente em sua própria sabedoria, essa mesma nação fica espiritualmente desprotegida. E aí ela se torna uma presa fácil para os ataques do diabo e dos demônios (e também de todo tipo de pecado e vício). É como disse o salmista:"Se o Senhor não edificar a casa, em vão trabalham aqueles que a edificam; se o Senhor não guardar a cidade, em vão vigia a sentinela" (Salmo 127:1)O profeta Jeremias diz a mesma coisa:"Maldito o homem que confia no homem, que faz da carne o seu braço, e que aparta o seu coração do Senhor" (Jeremias 17:5)Eu diria que o que está acontecendo nos Estados Unidos (e também no mundo em geral) é um abandono total da verdadeira fé cristã. Estamos vivendo uma época de crise moral generalizada. A respeito disso, Jesus dá o diagnóstico preciso do momento atual:"Este povo vem a Mim com a sua boca e Me honra com os lábios, mas o seu coração está distante de Mim; e em vão Me adoram, porque ensinam doutrinas que são preceitos de homens" (Mateus 15:8–9).Estamos sob a influência negativa de um falso moralismo. À medida que o tempo passa, os valores bíblicos são cada vez mais relativizados. O pior disso tudo é que muitas igrejas (inclusive as que se dizem cristãs) estão aceitando os valores mundanos impostos por uma sociedade totalmente corrompida. Em outras palavras: ao invés da igreja mudar o mundo, é o mundo quem está mudando a igreja.Estamos deixando de cumprir o nosso dever como filhos de Deus. Estamos deixando de obedecer ao que disse o apóstolo Paulo:"E não vos conformeis com este mundo; mas sede transformados pela renovação do vosso entendimento, para que experimenteis qual seja a boa, perfeita e agradável vontade de Deus" (Romanos 12:2)Como podemos ser luz num mundo de trevas, se a nossa própria consciência nos condena? Como poderemos brilhar, se estamos conformados com o mundo (e praticamos os mesmos pecados, perversões e temos os mesmos vícios)? Somos hoje uma igreja apenas nominal, gostamos de estar nos templos, "louvar a Deus" com os lábios, mas a verdade é que nosso coração está completamente longe da obediência a Deus (e à Sua Palavra). Foi justamente por isso que Jesus disse:"Assim também vós pareceis justos exteriormente aos homens, mas por dentro estais cheios de hipocrisia e iniqüidade" (Mateus 23:28)Talvez o crescimento de toda essa maldade em todo o mundo seja algo que Deus tem permitido para despertar uma igreja hipócrita que acha estar vivendo uma época de avivamento. Nunca fomos tantos e nunca fizemos tão pouco pelo Reino de Deus.O que está realmente faltando para muitas pessoas e igrejas que se dizem cristãs é um compromisso sério e irrestrito com a obediência total à Palavra de Deus. Falando num tom bem direto: o verdadeiro cristão tem que fazer a diferença onde estiver. Novamente o apóstolo Paulo se manifesta:"Fazei todas as coisas sem murmurações nem contendas; Para que sejais sinceros e irrepreensíveis, filhos de Deus inculpáveis, no meio de uma geração corrompida e perversa, entre a qual resplandeceis como astros no mundo" (Filipenses 2:14–15)Para finalizar minha mensagem, cito as palavras que o apóstolo Paulo recomenda aos cristãos para terem segurança somente na Palavra de Deus:"Revesti-vos de toda a armadura de Deus, para vos manterdes firmes contra as astutas ciladas do diabo; porque temos uma luta que não é contra a carne e o sangue, mas contra os principados, as potestades, os príncipes das trevas deste século, e as hostes espirituais da maldade nos lugares celestiais" (Efésios 6:11–12)

  5. Também acredito que seja uma pesquisa manipulada.E sobre o vislumbre do futuro, realmente parece ser uma grande possibilidade que esse tipo de coisa aconteça futuramente. Há muitos indícios que indicam isso.P.S. Irmão Julio. Sobre o disque câmara, depois eu verifiquei que pelo telefone fixo funcionava a ligação, porém pelo celular continuo ouvindo a mesma mensagem. Talvez eles não aceitem ligação de celular… Enviei ontem um comentário no seu blog falando sobre isso, mas como não sei se você recebeu, escrevi novamente.

  6. Sandro,Devido à propagação (e à promoção) do homossexualismo e do feminismo, o próprio conceito de família já foi totalmente distorcido do seu sentido original.A verdade é que hoje ninguém mais está a fim de um compromisso sério (leia-se casamento). Muitas mulheres simplesmente abominam esta idéia. Teve uma que me disse sem a mínima cerimônia: "Para que eu vou passar o resto da minha vida com um homem controlando a minha vida? Eu quero ser independente, viver intensamente (sem ter que dar satisfação da minha vida a ninguém), alcançar a minha realização profissional (e financeira), não quero ficar submissa a ninguém! Casamento? Nem em sonho!" A moda hoje é "ficar", ou seja, ter um relacionamento despretensioso (sem qualquer tipo de responsabilidade ou compromisso).A diminuição do número de casamentos (e também de famílias constituídas) tem trazido conseqüências graves em todo o mundo: mais homens solteiros, mais mulheres solteiras, mais gays e mais lésbicas. Isso sem contar as crianças que nascem (ou crescem) em lares desfeitos.Mas o pior disso tudo é a queda da taxa de natalidade. Só para que todos daqui tenham uma idéia disso, a China já está começando a sentir na própria pele as conseqüências do rígido controle de natalidade imposto a todos os seus cidadãos: está havendo falta de pessoas no mercado de trabalho. Além da China, alguns especialistas já alertaram que a Europa está passando por um processo muito rápido de envelhecimento populacional (inclusive já há casos de alguns países europeus com um alto índice negativo de novos nascimentos). E a tendência, pelo jeito, é que esta situação continue a se agravar (caso não seja tomada nenhuma providência imediata).Diante disso tudo, eu pergunto:– O que podemos fazer para mudar (ou tentar reverter) este quadro?– O que podemos fazer para salvar o casamento (que, como já se ouviu dizer por aí, é considerado por muitos como uma instituição falida)?Espero uma resposta sensata de alguém daqui na primeira oportunidade.

  7. O Sandro compreendeu corretamente. "Tanto na agenda feminista como na homossexual o homem hétero é rebaixado". E eu digo mais: é descrito como mau e opressor da sua companheira.Estas 2 agendas visam a mesma e única coisa: destruir no conceito das pessoas a idéia da família natural e sã criada por Deus.Para isso essas agendas têm o apoio da mídia que inocula estas idéias por meio de sua programação e o apoio, dentro das universidades, de desconstrucionistas e estruturalistas que dominam os departamentos de ciências humanas.

  8. As novelas da Globo (principalmente) têm causado estragos morais enormes nas famílias brasileiras. E estas estão influenciando enormemente a cabeça do público que as acompanha para o mal, como nessa questão de crianças adotadas por duplas gays.Quão vazia é a vida de quem devota seu tempo em assistir novelas e outras porcarias.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s