Luiz Mott: Serra é melhor do que Haddad!

Luiz Mott: Serra é melhor do que Haddad!

Julio Severo
Luiz Mott, considerado o principal líder do movimento homossexual do Brasil, deu sua experiente opinião confirmando sentimento da militância gay de que ninguém, além do governador do Rio de Janeiro Sérgio Cabral, está atualmente fazendo mais para avançar a agenda gay no Brasil do que Serra.
Luiz Mott

Mott confirma que até Toni Reis, presidente da ABGLT, mandou carta para Serra reconhecendo-o como mais aliado dos ativistas gays do que Fernando Haddad.

Portanto, se Haddad ganhar, os ativistas gays ganham.
Se Serra ganhar, eles ganham mais ainda.
A seguir, disponibilizo comunicação eletrônica datada de 23/10/12 de Luiz Mott para Toni Reis:
Como apoiar Haddad se ele assumiu ter vetado o kit gay, tua menina dos olhos e de todos teus cupinxas que lucraram financeiramente com esse cavalo de tróia, e que na época significativas lideranças lgbt criticaram o tal kit, mas que depois apoiamos condicionalmente como forma de afirmação de nossa agenda prioritária.
Nem vou perder meu tempo desconstruindo esses 13 argumentos estapafúrdios a favor do Haddad… dada a pequenez da argumentação, o non sense dos argumentos, a falta de garantia que Haddad não seguirá a mesma política homofobica da tua querida Dilmá.
Esta carta enterra definitivamente qualquer esperança de independência e autodeterminação da presidência da ABGLT, que acrescenta mais um grave equivoco em seu deplorável curriculum de erros de estratégia política.
Serra, como você mesmo salientou em recente carta a ele, tem curriculum gayfriendly só superado pelo Governador do Rio.
O que o Haddad dá como garantia já que NUNCA FEZ NADA diretamente para nossa comunidade, pelo contrario, vetou tua obra prima o famigerado kit da discórdia.
Leitura recomendada sobre o embate eleitoral em São Paulo:
Leitura recomendada sobre Luiz Mott:

18 comentários sobre “Luiz Mott: Serra é melhor do que Haddad!

  1. "Se correr o bicho pega, se ficar o bicho come". Quem poderá nos defender? A eleição de São Paulo é uma briga de quem faz mais mal para ser eleito. Para onde estamos caminhando? Isso dá medo. Com o aborto (assassinato), abre-se as portas do inferno e mais e mais demônios entram no mundo para influenciar as pessoas que estão em pecado e os que estão excomungados.

  2. Torno a repetir o que eu já comentei em um artigo semelhante a este: em termos de opção de voto durante as eleições, ficamos sempre naquela disputa do "ruim" contra o "menos pior". As últimas eleições presidenciais que tivemos são o melhor exemplo disso.Só para relembrar:2002 – Lula (PT) x Serra (PSDB)2006 – Lula (PT) x Alckmin (PSDB)2010 – Dilma (PT) x Serra (PSDB)Agora, o mesmo filme se repete, ou melhor, a mesma coisa também acontece na atual disputa pela prefeitura de São Paulo neste ano de 2012:Haddad (PT) x Serra (PSDB)Na verdade, é a mesmíssima guerra diabólica de Satanás contra Belzebu (mudam somente os atores, mas o script é rigorosamente o mesmo)! No caso, os atores em questão são: Haddad (Satanás) e Serra (Belzebu)Entre o PT e o PSDB não há, rigorosamente, nenhuma diferença. Em outras palavras: o PSDB diz ser oposição ao PT, mas age exatamente igual ao PT quando está no poder.Relembrando novamente: foi o mesmo PSDB (de José Serra) que aprovou uma lei (Lei 10.948, de 5 de novembro de 2001) que permite que travestis usem banheiros femininos. Esta mesma lei foi sancionada, na época, por Geraldo Alckmin (então governador de São Paulo em 2001), contando com o auxílio da fiel escudeira dos homossexuais: Marta Suplicy (que era prefeita de São Paulo em 2001).Eu vou mais além: TODO E QUALQUER POLÍTICO PODE ATÉ TROCAR DE PARTIDO, MAS NUNCA VAI TROCAR DE CARÁTER. Em outras palavras: MUDAM AS SIGLAS, MAS OS INTERESSES (OU MELHOR, AS AGENDAS POLÍTICAS) PERMANECEM RIGOROSAMENTE IGUAIS! O candidato pode ser do PSDB, do PT (ou de qualquer outro partido), enfim, todos esses políticos são tudo farinha do mesmo saco! Do jeito que só tem podridão na nossa política, não dá pra confiar em nenhum político (seja de que partido for). Não foi sem razão que o apóstolo Paulo disse:"Seja Deus verdadeiro e todo homem (principalmente político) mentiroso" (Romanos 3:4, o parêntese é meu).Alguém concorda comigo?

  3. Não sei se o pessoal daqui vai concordar comigo, mas, infelizmente, é isso mesmo que acontece em toda eleição: por falta de boas opções, somos obrigados a escolher entre um mal maior e um mal menor.Só que nós, cristãos, temos que apoiar pessoas que estejam verdadeiramente comprometidas com a obediência total e irrestrita à Palavra de Deus (para tentar livrar o nosso país das trevas que nos cercam).Mas a pergunta crucial é a seguinte: em quem votar? Quem seria o político (ou o partido) capaz de livrar (ou salvar) o Brasil do caminho do inferno que o PT colocou (juntamente com outros partidos que agem igual)? Infelizmente, não dá para achar, por enquanto, uma resposta 100% satisfatória para esta pergunta.Não quero ser pessimista, mas, sinceramente, eu não vejo nenhuma opção confiável, ou melhor, não vejo ninguém com coragem o suficiente para derrubar essa ditadura socialista (ou terrorista?) que está sendo silenciosa e sorrateiramente imposta a tudo e a todos. Pode ser que eu esteja errado, mas, do jeito que as coisas vão, eu só espero o pior daqui pra frente.Olhando o nosso Congresso Nacional, o que temos? Sujeira, corrupção, roubalheira, escândalos dos mais diversos tipos, enfim, uma podridão total. Para mim, não há nenhum político desse meio que seja digno da nossa confiança (e, muito menos, merecedor do nosso voto).E o pior disso tudo é que nem mesmo a bancada evangélica não está imune a essa podridão da nossa política. Ao invés de combater a sujeira deste governo corrupto de Dilma (e dos demais partidos com a mesma agenda do PT), os políticos dessa mesma bancada preferem "negociar" certas questões (ao invés de manterem uma postura firme em defesa da família, dos bons princípios, e da obediência à Palavra de Deus).O ideal seria que o povo, antes de votar, orasse a Deus e pedisse discernimento na hora de escolher algum candidato (para não se decepcionar depois). Só que nem sempre o povo age assim. E aí ficamos sempre entre a cruz e a espada, ou seja, ficamos sempre obrigados a escolher entre um mal maior e um mal menor.Só que tem um detalhe crucial que muitos parecem não ver: o mal, independente de ser maior ou menor (ou de qualquer outra designação que inventem), é mal sempre (e precisa ser firmemente combatido). Quem tolera o mal tem parte com o diabo. E digo mais: um verdadeiro cristão JAMAIS vai apoiar qualquer tipo de mal (seja maior ou menor). O compromisso do cristão é única e exclusivamente com a obediência à Palavra de Deus, que combate o mal de todas as formas. Ainda que um mal menor se apresente de forma aparentemente inocente ou "inofensiva", não poderá jamais ser tolerado com a desculpa de se evitar um mal maior. Em outras palavras: mesmo que um mal menor seja, momentaneamente, a única opção válida (ou disponível) para se evitar um mal maior, ainda assim é um mal. Como se diz no popular, é como "trocar seis por meia dúzia" (não vai fazer nenhuma diferença ao final).P.S: Se o irmão Júlio Severo ou alguém daqui quiser se manifestar, esteja à vontade.

  4. Quer dizer: O fato de Serra ser menos vermelho que Haddad, ñ impede a agenda da continuidade gayzista.Malafaia e todos os chamados cristãos esquerdopatas de SP, cuidado! Deus cobrará de vocês por suas leniências políticas e suas visões míopes.Ah se cobrará!!!

  5. Talvez as possíveis diferenças entre PT e PSDB sejam somente no campo econômico; mas em termos de agenda partidária (políticas pró–aborto, pró–homossexualismo, anti–família e anti–cristãs), ambos são rigorosamente iguais! Como bem disse o Élquisson, é a mesmíssima guerra diabólica de Satanás contra Belzebu (mudam somente os atores, mas o script é rigorosamente o mesmo)!A cartilha homossexual do PSDB, embora não seja tão "direta" como a do PT, não deixa de ser perigosa mesmo assim. Isso porque o PSDB usa um jogo de palavras tão sutil (e alguns termos como "orientação sexual", "desigualdades de gênero", "diversidade sexual", etc), que muitos não estão percebendo a armadilha em que estão caindo!É claro que o PSDB, em termos de imoralidade, é "menos explícito" do que o PT. Mas isso não faz com que o PSDB seja melhor do que o PT. Muito pelo contrário: o PSDB é tão (ou mais) sujo quanto o PT! Mas parece que muitos não estão enxergando isso!Independente de quem vença esta eleição (seja Haddad ou Serra), uma coisa é certa: quem for eleito vai fazer de tudo para impor a agenda homossexual à cidade de São Paulo (que já é conhecida pelas indecentes "paradas gays"). Portanto, cabe aos cristãos se mobilizarem pela defesa da família, da moral, dos bons princípios e da obediência à Palavra de Deus.

  6. Alguém já disse que o pecado é como uma droga que age de maneira progressiva: num primeiro momento, ninguém quer experimentar com medo dos possíveis efeitos danosos; depois, por mera curiosidade, por falta de esclarecimento ou de rejeição firme (ou por uma "maquiagem" feita com um jogo de palavras bem sutil), o pecado é tolerado; e, finalmente, o pecado, depois de aceito, é abraçado (e, após isso, se torna um vício que ninguém nunca vai querer abandonar). Nesta última fase (aceitação), extirpar o pecado de quem o aceitou é tão ou mais doloroso quanto extirpar um tumor (ou câncer) maligno.Não sei se a minha opinião vai ser muito apropriada para o presente momento, mas, no caso do homossexualismo, um possível diagnóstico seria este:– Algumas igrejas cristãs foram negligentes, pois passaram a tolerar a sujeira do mundo (ao invés de terem uma atitude decisiva contra o pecado);– Faltou um combate mais efetivo ao ativismo gay, faltou um melhor empenho dos cristãos, faltou uma postura firme das igrejas em defesa das verdades eternas da Palavra de Deus;– Relaxamos no combate ao pecado, aceitamos o relativismo moral, passamos a nos conformar com os valores corrompidos de um mundo contaminado pelo pecado, deixamos de preservar a santidade da vida cristã.Não seria devido a estes motivos que o homossexualismo está dominando o Brasil (e também o mundo inteiro)?Gostaria de ouvir as opiniões de todos a respeito disso.

  7. Diante de toda essa sujeira na nossa política, eu penso o seguinte (me corrijam se eu estiver errado): se todos os eleitores do Brasil (inclusive os cristãos) tivessem orado e pedido discernimento a Deus antes de votar, não teríamos no poder um governo pró–homossexualismo, pró–aborto, anti–família e anti–cristão. E nem elegeríamos uma bancada que se diz evangélica, mas que não tem tido nenhum compromisso com a Palavra de Deus (além de ser omissa no combate ao pecado e conivente com o mesmo governo)!Creio que o problema está não somente em muitos dos políticos que se dizem cristãos (como os da bancada evangélica), mas também de alguns cristãos eleitores que os colocam lá. Alguns desses mesmos eleitores votam somente por votar, influenciados por alguém ("Vou votar no irmão da minha igreja, pois foi o pastor quem pediu"), ou sem saber quem realmente é o candidato, que ideais defende, quais compromissos tem, quais interesses visa, enfim, o que realmente fará ao ser eleito.Daí, surgem certos "políticos cristãos" que estão mais preocupados em cuidar de seus negócios particulares (ou dos negócios de suas igrejas) do que em ter um compromisso sério com a Palavra de Deus e com questões que afetam a sociedade como um todo (especialmente a maioria cristã).Torno a repetir o que eu já disse em um comentário feito num artigo anterior: é necessário que todo o povo e também as igrejas (a católica e a evangélica) sejam politicamente conscientizadas sobre os perigos do socialismo que está sendo sutilmente imposto no nosso país. Se em toda eleição colocarmos ímpios no poder, estaremos dando carta branca para que o diabo e os demônios ataquem a tudo e a todos (além de promoverem a destruição dos valores morais, familiares, e dos princípios cristãos). Em suma: o que não podemos fazer é perpetuar este ciclo vicioso, ou melhor, continuar alimentando essa política imoral e anti–cristã que tomou conta do Brasil. Aliás, não só o cenário político, mas, infelizmente, até algumas igrejas evangélicas estão infestadas de falsos cristãos gananciosos e vaidosos que só usam o nome de Deus para seus próprios interesses (ou para suas próprias conveniências).Que este alerta seja amplamente divulgado a todos, para que todos saibam o quanto o voto é importante para decidir o futuro de um país.Um grande abraço a todos,Diácono Elias (Igreja Batista Nova Jerusalém)

  8. Sei que nem todos vão concordar comigo.Não estou duvidando da veracidade do comunicação eletrônica datada de 23/10/12 de Luiz Mott para Toni Reis, mas não confio nestes dois e outros, eles são muito astutos e podem ter feito de proposito, e sabendo que estamos sempre de olho em suas conversas que tal fazer o jogo contrario de apoio para que o Haddad aumento os votos. A começar pela primeira mentira do texto deles que o Haddad vetou o Kit Gay, como assim, pensei que tinha sido a bancada evangélica e outro que foram a Dilma e ela foi obrigado a vetar, a segunda é desde quando tanto Haddad, Dilma, Lula e tantos outro do PT são merecedor de confiança, sera que alguém lembra da carta assinada por ela e a falta de comprimento da mesma? confiar na palavra de qualquer um do PT ou ligando a ele e dar credito ao Diabo.Esta Turma e muito astuta e manhosa, e é por isso que tem crescido politicamente muito rápido desde que lula assumiu.Sabem como os Cristão Evangélicos e Católicos temente a Deus vota, eles corrompem Pastores, Padres, vão a missas e cultos tudo para se passar como cordeiros.Esta mensagem deles me parece aquela do partido de Russomano que dizia que a Igreja Católica tinha colaborado com o Kit Gay que o próprio Júlio aqui desmentiu.A mensagem vindo deles que preferem Serra a Haddad e mais uma prova do quanto estão desesperado para picar tal tática.PSDB é da mesma agenda isso todos sabem e acredito que todos os partidos estão neste mesmo barco devido a agenda internacional do maldito direitos humanos. Agora que esta é uma estrategia deles para que só olhemos o adversário deles como pior dento do mesmo quesitos que dele e obscurecer os outros item é mais uma das artimanha dele isso de minha parte não tenho duvida, principalmente que vem no mesmo tempo em que o Serra tem crescido nas pesquisas e os escândalos começão a surtir algum efeito negativo.Também me lembro quando Lula criticava o bolsa escola e assim que assumiu mudou o nome de Bolsa família, que é a maior compra de voto do nordesteMas para aqueles que tem duvida sobre em quem votar, tem uma terceira opção o voto em branco, porem eu não usarei amenos que um candidato esteja empatado em todos os seguimentos, em minha avaliação.Que Deus nos ilumine.

  9. Alfredo, essa comunicação não foi publicada em lugar algum. Foi interceptada por mim de comunicação pessoal. Ali, Luiz Mott está falando a vontade, sem perceber que isso vazaria para o meu blog. Sou o único que etá divulgando essa mensagem pessoal dele. Portanto, dizer que essa mensagem seria uma estratégia é um absurdo.Repito: essa é a comunicação interna entre Luiz Mott e Toni Reis, e nada tem a ver com propaganda.As pessoas estão se deixando levar por tontas paixões políticas, sem perceberem que se votarem num ou outro, seus filhos serão psicologicamente estuprados.A única saída é ir às ruas e protestar. Votar por um deles é crime contra os próprios filhos, e Deus pedirá contas de quem fizer isso.

  10. Caro Júlio eu não disse que se tratava de uma propaganda logo nas primeiras linha disse: Não estou duvidando da veracidade do comunicação eletrônica datada de 23/10/12 de Luiz Mott para Toni Reis. Pensei ter deixado claro que quis dizer foi que do mesmo modo que chegou a seu blog, chegou a outros. E para isso é só fazer uma pesquisa na google e vai encontrar pelo 9 links só na primeira pagina, e se você conseguiu outra pessoa também conseguiria não tenha duvidas disso, pois na internet na é seguro, está não foi a primeira dele que vasou comunicação deles e sabendo disso eles o fizeram propositalmente.Também concordo que muita gente vota a luz da paixão politica e digo mais o fanatismos politico partidário se comprova pela Eleição da Dilma. Eu mesmo não contrataria ela para trabalhar em minha casa ara cuidar de meus filhos, com a ficha criminal e seu currículo anticristão, mais alguém a colocou para ser baba de todos os filhos deste pais, com direito a duas ajudantes, Marta Suplicy e Eleonora Menicucci, e como Motorista Fernando Haddad.Posso parecer que estou a luz da paixão politica, mas lhe garanto que já votei em candidatos do PT como Luiza Elena no primeiro turno, e na Marina Silva, votei para deputado em Cristovão Buarque, votaria em Helio Bicudo e César Benjamin que foi um dos Fundadores do PT em vez do Serra se eles estivessem nesta disputa. Mais uma coisa sei que vai reparar, nenhum deles estão mais no PT devido a mudança de rumo do PT quando fundado e depois de Lula ter assumido, talvez um dia volte a votar um candidato do PT, mais para isso ele terá que passar por minha aprovação, pesando todos os itens, social, familiar e econômico assim como qualquer outro de qualquer partido. Mas infelizmente não é a nossa realidade e vejo que as pessoas tem se deixado levar pelar paixões politicas de tal forma que não querem fazer uma avaliação deste últimos 12 anos de governo do PT para ver que em todos os requisitos tem sido um retrocesso a frente de outros partidos que mitos deles se corromperam ou ficaram apáticos no cenário politico brasileiro.Não há como descordar de você na questão de sair a rua e protestar, mais me permita dizer só isso não vai surtir efeito, já que estes não tem medo nem das urnas. Temos que atacar em varias atitudes, a começar pela educação de nossos filhos que precisão ser mais contundentes, Nas igrejas por seus representantes seja Pastor ou Padre, na infiltração dentro dos partidos e repartições publicas com verdadeiros tementes a Deus, a criação de um partido verdadeiramente comprometidos com Deus, família, Ética e bons costumes.Que Deus nos guie por este espinhoso caminho, pois aquele que acredita no homem fala estará perdido. Orem e pesão a Deus a sua luz e faça sua parte aqui também pesquisem analisem tudo em todos os pontos, temos que começar a mudança por algum luga e este é um deles, vote consciente, não vote só por você mas por todos e por uma mudança boa, que ainda esta por acontecer se unirmos e fortalecermos na fonte do Senhor Jesus Cristo.

  11. Alfredo,Como eu disse num artigo anterior (e torno a repetir), se formos criar um partido político verdadeiramente cristão, eu até sugiro um nome: PVC (Partido da Verdade Cristã).Este mesmo partido terá como diretrizes os seguintes pontos:– Só poderão ser membros do partido os verdadeiros cristãos comprometidos com a obediência total à Palavra de Deus; não serão aceitos ímpios, ex–políticos do governo, e nem ex–integrantes de partidos esquerdistas, comunistas, marxistas e socialistas;– Todas as decisões terão que ser tomadas sempre em comum acordo com o povo cristão (e sempre em obediência à Palavra de Deus); não serão permitidas as decisões sem consulta popular;– A manutenção do partido será de responsabilidade somente de cristãos verdadeiramente comprometidos com a Palavra de Deus; não será aceita ajuda financeira vinda de nenhum partido político (principalmente se for de linha esquerdista), nem de nenhuma entidade governamental (seja qual for);– Toda e qualquer proposta que for contra a Palavra de Deus deve ser firmemente rejeitada;– O membro do partido que for visto em associação com ímpios ou que aceitar qualquer proposta fora dos princípios cristãos será sumariamente excluído; só será readmitido mediante genuíno arrependimento diante de Deus (e diante de todos os cristãos); em caso de reincidência no mesmo erro, sofrerá a exclusão definitiva (sem possibilidade de readmissão);– O membro do partido deverá sempre votar de acordo com a sua consciência (e sempre de acordo com a obediência à Palavra de Deus); o voto contra os princípios cristãos será considerado falta gravíssima, passível de punição (desde uma simples advertência até a exclusão definitiva);– O membro do partido deverá permanecer sempre fiel à sua consciência (e à obediência à Palavra de Deus em toda e qualquer circunstância); não mudará de opinião, nem mesmo sob ameaça externa de qualquer natureza (vinda de quem for);– Nenhum membro do partido jamais aceitará suborno, chantagem, associação com ímpios, ajuda financeira de origem ilícita, negócios de caráter suspeito ou duvidoso, nem propostas de voto a favor de causas diabólicas (homossexualismo, aborto, eutanásia, legalização de drogas, feminismo, marxismo, comunismo, socialismo e outras coisas erradas);– O partido terá como prioridade zelar sempre pela família, pela moral, pelos bons costumes, e pela obediência à Palavra de Deus.Que tal termos um partido assim na nossa política? Gostaria de saber as opiniões de todos!

  12. JulioÉ evidente que Haddad é o candidato de Luiz Mott. Se ele diz o contrário, é porque sabe que sua propaganda "a favor" engana os evangélicos.Quanto ao suposto "fato" de Haddade ter "vetado" o kit-gay, até as pedras e as árvores sabem que é mentira. O ministério da "educação" (portanto Haddad) mandou o kit-gay para aprovação da presidencia, e Dilma, por pressão dos católicos e protestantes, vetou. Esse é o fato. Um milhão de declarações de Haddad em contrário não mudam o fato.

  13. Oi, Aprendiz. O candidato do Luiz Mott é o Serra. Eu tenho um livro sobre o movimento homossexual publicado em 1998. Note que nessa época nem Silas Malafaia ainda era destaque contra esse movimento. Com minha experiência de anos monitorando o movimento ga, sei que Serra realmente é mais perigoso, pois ele é mais sorrateiro. Ele criou a delegacia da intolerância quando era prefeito de São Paulo, e foi o causador de grandes avanços para a agenda gay. Por isso, concordo com Mott: Serra é o que mais os favorece.

  14. E o Silas Malafaia, habitualmente tão inteligente e sensato, foi dar a esquisitíssima burrada de fazer campanha para o José Serra (e retirar votos de Celso Russomanno). Os gayzistas agradecem, pois seus capachos do PT e do PSDB foram para o segundo turno. E um deles se tornará prefeito.

  15. JúlioMas o argumento todo se baseia numa mentira evidente. Haddad não pode ter vetado o kit-gay, porque Dilma o vetou. Se chegou a ser levado para a presidente, para aprovação, foi porque o MEC (Haddad) o enviou. Logo, a afirmação de que Haddad vetou o kig-gay é lógicamente impossível. Sendo uma falsidade auto-evidente, o valor desse argumento é nulo.Um segundo ponto importante é que, se uma convera privada entre Mott e Reis chegou às suas mãos, isso pode ser esperteza deles.Terceiro ponto, se Haddad não fosse um campeão do gayzismo, jamais teria o apoio quase uniforme da mídia. Porque a maioria dos jornalistas, iria lutar por desconstruir Serra e fazer propaganda deslavada de Haddad, se Haddad fosse contra o gayzismo?Quarto. Mott pode ter usado um argumeto falso para defender Serra por outros motivos. Talvez, considerando que sua batalha já está virtualmente ganha no ambito federal, queira se garantir com o grupo que ele acredita que tomará o poder, após a desmoralização do núcleo petista no STF.Finalmente, supondo que Mott acredite no que diz, isso é irrelevante contra fatos. Haddad patrocinou o kit-gay, e Dilma o vetou contra a recomendação do MEC (leia-se Haddad). O que quer que Mott acredite, não pode anular esse fato. É mais ou menos como o caso de FHC defendendo Caio Fábio. FHC considera (ou considerou) que Caio Fábio era inocente. Mas isso é irrelevante, porque o próprio Caido confessou ter levado o dossiê ao jornalista. Contra fatos, não valem opiniões.

  16. AprendizNão sou defensor do PT e do Haddad, mas talvez o que Mott tenha querido dizer em sua comunicação é que Dilma vetou e, por consequência, Haddad também teve de vetar.Seja como for, existem fatos mais importantes, e agora quem está dizendo isso SOU EU, não o Mott. ECOS, a organização por trás do kit gay do Haddad, é responsável pelos materiais de apoio da “inocente cartilha” que o Serra aprovou em 2009. São os mesmos DVDs. A diferença é que Dilma vetou o kit gay, enquanto que em São Paulo, graças ao Serra, nada foi vetado. O mesmíssimo material foi aprovado e usado todos esses anos. Contra fatos, não há argumentos. Basta ver este link: http://juliosevero.blogspot.com/2012/10/malafaia-desconhecimento-e-omissao.htmlE lembre-se: não é de hoje que aviso que o PSDB é tão ou mais perigoso do que o PT. Não faz sentido nenhum militar por qualquer um dos dois, independente dos arguementos ou apoio pastoral que usem. Os dois não merecem apoio.

  17. No tocante a atos anticristão concordo que os dois comentem os mesmos pecados. Porem não vejo só a questão do KIT-GAY e outras aberração anticristã, talvez por isso eu tenha uma avaliação diferente do Júlio Severo, que acha PT menos perigoso que o PSDB. Meu ponto de vista é político social que dita sim a religião. Eles têm uma agenda comunista e socialista, uma agressividade ditatorial, eles não respeitam nenhum trato verbal ou contrato, ficando impossível combate suas imposições, também discordo do ponto de visão de que o PT faz tudo aberto, pois existem muitas coisas que eles fazem por baixo dos panos na calada da noite e que só damos conta pela manhã ao abrir o jornal. Como o casamento Gay, á PL122 assinado na desculpa esfarrapada de Lula "Eu não Li" e nem os assessores dele, O mensalão o maior esquema de roubo de dinheiro público da historia foi feita sorrateiramente, a entrega de nossas refinarias, quitação de divida a pais comandados por guerrilheiros, e uma lista de mais de 300 escândalos.Mas este assunto agora se dará na pratica o PT esta no governo de São Paulo, agora eu quero ver se os cristãos vão deter dos atos diabólicos do Haddad e seu PT. Mas acredito que estamos mais para o Celso Daniel ou sua família que teve que sair do país, se os enfrentarmos. Não vejo o PT com um adversário fácil de combater, me baseio pela historia e por acompanhar o crescimento dele, a trajetória deste partido que é muito similar a de Hittler, assim como o socialismo que começou com um movimento do partido dos trabalhadores com característica de truculência.Esses movimentos políticos ditam o religioso, para ver isso e só olhar para Rússia, China, Cuba, Irã, Coreia do norte… Que cassam os verdadeiros cristãos sem piedade, não os fariseus do senado que se vendem por migalhas, e se prestar bem atenção todos são muito similar a do PT alem de manter laços estreitíssimos com esses companheiros.Sabe outra coincidência? Silas Malafaia ficou do lado do PT duas vezes, Caio Fabio e agora bancada evangélica que vem valsando com o PT para esse tem sido uma infeliz experiência, é um partido maldito, cuja cor vermelha, seu numero treze por escolha numerologia Lula diz que traz sorte a ele, mas sorte é uma consequência de atos que um ganha e outros perdem, por fim usam a estrela de cinco pontas usada em ritos de satanismo, não é a de Davi ou selo de Salomão que representa o escudo da casa de Israel.“Casa de Arão, confia no SENHOR; ele é o seu auxílio e o seu escudo. Sl 115:10”

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s